terça-feira, 31 de agosto de 2010

Um surpreendente bolo de aniversário de maçãs

"Você vai querer bolo de quê?", perguntei inocentemente à minha irmã, acreditando que ela seria como a maioria, que responde sem graça um "não sei, do que você quiser, por que se incomodar..."
"De maçãs", respondeu ela, na ponta da língua, como se tivesse pensado no assunto durante um ano inteiro.
"Maçã??? Mas bolo de maçã é de café da manhã, de chá, não de aniversário...", argumentei, ligeiramente decepcionada, pensando em toda a lista de bolos de chocolate, morangos e doce-de-leite que havia em meu repertório ainda não testado.
"Ah, mas eu quero. Você perguntou."

Bom... eu perguntei.

Corri para meu arsenal bibliográfico e me pus a procurar loucamente por um bolo, senão de maçãs, que pudesse ser adaptado para tal. E qual não foi minha surpresa ao me deparar com um bolo de aniversário de maçã justamente no livro da Magnolia Bakery??? Lá estava ele: Apple Cake with Butterscotch Cream Cheese Icing. Um bolo de dois andares, com recheio e cobertura, totalmente de aniversário, e de maçã.

Pensei com meus botões se gostaria de me arriscar de novo com esse livro em uma semana durante a qual eu não teria tempo de preparar um segundo bolo caso um desastre bolístico acontecesse. Afinal, aquele bolo de maçã para o chá ficara surpreendentemente bom, mas eu tivera bem minhas desavenças com o bendito livro. Um rápido "Google" no nome da receita me devolveu vários polegares para cima e comentários positivos, no entanto, pondo um fim à minha agonia. O que mais me atraiu na receita, além de ser exatamente o que eu procurava, era o fato de o bolo de maçã não levar canela e o de que a cobertura não era mais um gorduroso e excessivamente doce Buttercream, mas uma cobertura de cream cheese, que eu ainda não testara.

O bolo foi muito fácil de preparar e assou lindamente. A receita pedia por formas de 23cm, mas eu só tenho de 21 ou de 25cm, então optei pelas de 21cm, pois elas são bem altas, e o bolo teria para onde crescer. Bem... ele cresceu. As duas camadas inflaram uniformemente até a beiradinha da forma, e ficaram com cerca de 3 dedos gordinhos de altura cada uma.

A cobertura causou-me desconfiança num primeiro momento. Quando juntei o açúcar demerara ao creme de queijo e manteiga, imediatamente me arrependi. "Isso não vai dissolver nunca, vai ser meio quilo de cream cheese salgado pontilhado de marrom", pensei. Mas insisti. Bati por alguns minutos em velocidade média e vi os pontinhos crocantes de açúcar desaparecerem aos poucos no creme e tingirem-no de um suave tom caramelado. Experimentei. Estava uma delícia. Doce, salgado, azedinho.

Meu momento lambança foi na hora de montar o bolo. Posicionei a parte debaixo na minha gradinha redonda, mais fácil de girar na bancada, e pensei: "vou passar a cobertura na gradinha, para o excesso pingar na bancada, e depois, com o salva-bolos, vou transferir para o prato". Lindo na teoria. Espalhei o recheio, assentei a segunda camada de bolo e recobri de creme, deixando as laterais lisas e a parte de cima adoravelmente bagunçada. "Coisa linda", pensei. Apanhei o salva-bolos.

Problema 1: o bolo estava muito pesado, e eu não consegui deslizar o salva-bolos totalmente por baixo do bolo, porque eu me esquecera de calçá-lo com um disco de papelão. O salva-bolos começou a empurrar o bolo para fora da grade.
Problema 2: apanhei a grade e inclinei-a, na expectativa de que o bolo fosse deslizar inteiro para o restante do salva-bolos, mas o que aconteceu foi que a parte de baixo permaneceu inerte e foi a parte de cima que começou a deslizar.
Problema 3: nesse ponto, a cobertura lisinha já estava arruinada. Meti os dedos no bolo para alinhá-lo novamente e empurrei a parte debaixo para o salva-bolos, pensando em corrigir a cobertura uma vez que o bolo estivesse no prato.
Problema 4: O salva-bolos era maior que o prato, que batia em suas beiradas, deixando o bolo 5cm acima da superfície para onde deveria deslizar. E, claro, a parte de cima, apressadinha, quis deslizar primeiro. Tive de meter a mão de novo e fazer um serviço-lambança para colocar o bolo em um pedaço só no prato... e claro que ficou descentralizado.
Problema 5: alinha o bolo de novo, cata a espátula e tenta arrumar a cobertura, boa parte já molenga de toda a movimentação e se espalhando no prato. Volta 1 hora para a geladeira, até firmar de novo, para então corrigir a cobertura com a espátula.

Não me deixem começar a falar no trauma que foi embalar o bolo para levar à casa de minha irmã, uma vez que nenhuma redoma era alta o suficiente para cobri-lo sem arruinar o que fora consertado da cobertura.

O ponto positivo é: o bolo é uma delícia e fez muito sucesso. O bolo de maçã é surpreendentemente leve e suave, uma massa macia de baunilha pontilhada de maçãs. E a cobertura é doce e intrigante, sem ser enjoativa. Dois grandes e satisfeitos polegares para cima! É uma excelente opção de bolo de aniversário para quem cansou das opções tradicionais.

Ao sair da casa de minha irmã, ela me pediu para que viesse depois buscar um pedaço do bolo, pois ele era de fato enorme e talvez meus pais e ela não conseguissem comê-lo todo. No dia seguinte, no entanto, ele já estava pela metade. ;)

BOLO DE MAÇÃ COM COBERTURA DE CREAM CHEESE E "CARAMELO"
(do livro More From Magnolia, de Allysa Torey)
Tempo de preparo: 1h30 + 1h para esfriar + 20 min. para montar
Rendimento: 1 bolo grande de 2 camadas, de 21-23cm de diâmetro

Ingredientes:
  • 3 xic. farinha de trigo
  • 2 colh. (chá) fermento químico em pó
  • 1/2 colh. (chá) sal
  • 1 xic. de manteiga sem sal em temperatura ambiente (cerca de 230g)
  • 2 xic. açúcar cristal orgânico
  • 5 ovos grandes, orgânicos, em temperatura ambiente
  • 1 xic. leite integral, em temperatura ambiente
  • 1 1/2 colh. (chá) essência de baunilha
  • 3 1/2 xic. maçãs ácidas descascadas e picadas grosseiramente (usei Granny Smith)
(cobertura)
  • 450g cream cheese, em temperatura ambiente
  • 6 colh. (sopa) manteiga sem sal, em temperatura ambiente
  • 1 xic. açúcar demerara orgânico, apertado na xícara
  • 2 colh. (sopa) xarope de glucose
  • 1 colh. (chá) essência de baunilha

Preparo:
  1. Pr´é-aqueça o forno a 160ºC. Unte e enfarinhe duas formas redondas de 23cm de diâmetro (ou de 21cm, se elas tiverem não menos que 5cm de altura), e então forre os fundos com papel-manteiga.
  2. Numa tigela, peneire a farinha, o sal e o fermento. Reserve. 
  3. Na batedeira, em velocidade média, bata a manteiga mole até que se torne um creme. Junte o açúcar gradualmente, e bata até que fique fofo, cerca de 3 minutos. 
  4. Junte os ovos, um por um, batendo até que o ovo esteja bem incorporado antes de acrescentar o próximo. Adicione os ingredientes secos em 3 partes, alterando com o leite e a baunilha, começando e terminando com os secos. Não bata em excesso, apenas até que tudo esteja incorporado. 
  5. Com uma espátula, raspe as laterais da tigela, tendo certeza de que tudo está bem misturado e junte as maçãs picadas.
  6. Divida a massa igualmente entre as formas, alisando a superfície com a espátula. Leve ao forno por 40-50 minutos, ou até que um palito inserido no meio dos bolos saia limpo. Retire do forno, coloque em uma grade e deixe esfriar ainda nas formas por 1 hora. Então desenforme, retire os papéis do fundo e deixe terminar de esfriar nas grades. 
  7. Enquanto isso, faça a cobertura. Na batedeira, em velocidade média, bata a manteiga e o cream cheese até que fique cremoso e homogêneo, cerca de 3 minutos. Junte o açúcar, o xarope e a baunilha e bata até que o açúcar tenha dissolvido totalmente (tenha paciência). Cubra e refrigere por 1 hora para que firme antes de usar. 
  8. Posicione a parte debaixo do bolo no prato. Espalhe uma camada do creme por cima, deixando 1cm de borda, e coloque a segunda camada, apertando um pouco para firmá-la. Espalhe a cobertura na parte de cima do bolo, em direção às beiradas, puxando o excesso com a espátula para as laterais, e espalhando o creme pelas laterais. Se o creme começar a ficar mole, volte tudo para a geladeira por alguns minutos até firmar de novo e continue depois. Depois de pronto, mantenha o bolo na geladeira, até a hora de servir. Cuidado com odores fortes na geladeira, pois o cream cheese os absorverá.

25 comentários:

Trainee de Cozinheira disse...

O bolo parece mesmo delicioso, mas tive a impressão antes de ler a receita que não tinha nenhum pedaçinho de maçã à vista, pensei a maçã é ralada, mas quando vi a receita me enganei, mas onde ficaram os pedaços de maçãs?
Fiquei bem interessada no bolo, bjs
Maura

Sandra Peres disse...

Estou com algumas maçãs em casa, esperando uma receita, adorei a sugestão, foge mesmo ao convencional.

Muito bom gosto tem sua irmã!

Salvei a receita para tentar fazer.

Bjocas

Letrícia disse...

Esse bolo está fantástico. Ando com uma tara descontrolada por bolos de frutas (já comentei isso aqui? É bem provável, eu conto pra todo mundo). Esse com certeza vai furar a fila na lista de receitas a fazer.

Beijo!

Guilhermino disse...

Ana, já estou babando, já foi para coletânea de receitas suas que tenho guardado, juntamente com os comentários, pois são eles que me atiçam a preparar as receitas.

Ps: assentei é com 2 ss.

Ana E.G. Granziera disse...

Guilhermino,
Uia! Obrigada pela correção! A gente escreve com pressa e não revisa e de vez em quando o cérebro dá tilt. ;)

Maura,
calhou que essa fatia não tinha nenhum pedaço aparente. Mas eles estão lá sim! :)
bjs

duda lima disse...

Que aventura!
Seu bolo ficou lindo e deve ter ficado delicioso também!
bjo

Bigode de chocolade disse...

Esse frosting ta mesmo lindo!

Liv Baum disse...

Ana, já descobri o bolo q vou fazer pro niver de mamãe sábado! Eba! Vou tentar fazer meia receita e cortar o bolo no meio pra rechear pq meus pais não podem muito com doces! Valeu pela receita me ajudou a livrar da indecisão!

Beijos

Luciana Betenson disse...

Adorei Ana! Também gosto bastante da cobertura de cream cheese, nas festas juninas ano passado fiz um cupcake de fubá e cobri com cream cheese batido só com goiabada, ficou divino :-) Um bj,

Edilia disse...

Esses bolos de aniversário são mesmos deliciosos.
Edilia

stefania.confidential disse...

Mi piacciono molto le torte così "alte" bravissima
ciao :)

Simone Arrais disse...

Ana, adorei a idéia de um bolo de aniversário com maçãs! Entretanto sou suspeita para avaliar por que adoro maçãs! Sua irmã tem bom gosto, hein? Aliás, você também, por ter escolhido uma receita tão incomum. Vou fazer em casa. Bjs carinhosos!
Simone (www.linhasmatizadas.blogspot.com)

Giuliana disse...

e o bolo acabou :( se foi, já era... não sobrou nadinha de nada!!! Valeu ana, tava ótimo! já vai pensando no do ano q vem... bjo.

Monise Tonoli disse...

AMEI o detalhamento do processo de montagem. Sempre me sinto alien quando vejo os bolos lindamente decorados, e em casa, sei bem que o buraco é mais embaixo. =0)
Vou testar fazendo cupcakes, que é mais simples. ;o)
Beijos!

Anônimo disse...

Olá, o açúcar demerara não faz a cobertura ficar meio "escura"? Se eu quiser ela bem branca tem como substituir por outro açúcar?
Se sim, qual o mais adequado? E se mantém as mesmas quantidades?
Obrigada,
teca

Ana E.G. Granziera disse...

Teca,
você pode ver pela foto que não, a cobertura não fica escura. O açúcar demerara é imprescindível para o gosto de caramelo da cobertura.

bj

Ricardo disse...

Este bolo parece sensasional e como estou devendo um bolo de aniversário para meu companheiro, escolhe este!!! Já assei os bolos ontem a noite e ficaram ótimos. Hoje vou fazer a cobertura.
Porém estou na dúvida do xarope de glucose. Seria o mesmo que "Karo" e será que podia ser substituido por mel ? Ou mesmo Agave ?

renata cadena disse...

oi ana!

seu blog é uma tentação!
preparei este bolo ontem, pro aniversário da minha mãe e a massa ficou incrível! a cobertura é que não agradou muito, só não sei se pelo fato de eu e outros não gostarmos muito do sabor salgadinho ao fundo ou porque coloquei açúcar de menos. mas o sabor ficou bem intrigante: salgadinho no começo, docinho no final...

mas foi ótima a experiência, quero continuar executando receitas do seu blog! :*

Ana Marcia V. Avila disse...

Olá, eu fiz esse bolo na semana passada, é sensacional...
Só não tinha a glucose pra colocar na cobertura, substitui por mel, a consistência ficou diferente da que vc fez, mas mesmo assim ficou uma delícia!
Parabéns!!!

Eliza disse...

Oi Ana! Sempre acompanho o seu blog e adoro!! volta e meia tento fazer uma receita daqui. Esse bolo de maçã é realmente delicioso, já fiz umas 3 vezes, mas sempre que faço ele nao cresce tanto quanto o seu da foto e tambem parece que a textura é diferente, não fica tao fofinho. Mesmo usando uma forma de 23cm, parece que as duas fornadas ficam do tamanho de uma sua.. e não é falta de fermento :) Alguma sugestao? bjs e parabéns

Anônimo disse...

Oi Ana,
Tudo bem?
Tô pensando em fazer esse bolo pra minha festa de aniversário, na 2ª feira (28/05/12), mas só tenho uma forma redonda de 30 cm. Será que dá pra fazer uma única massa nela e cortá-la para rechear?
Obrigada,
Adri Rivera

Ana E.G. Granziera disse...

Respondendo com atraso...

Eliza,
fiz em formas de 21cm, por isso as camadas ficaram mais altas.

Adri Rivera,
ACHO que pode dar certo, mas é capaz do bolo ficar bem mais baixinho. Na dúvida, dê uma olhada nessa tabela de conversão de formas: http://allrecipes.com/HowTo/Cake-Pan-Size-Conversions/Detail.aspx

abs

Marcelo disse...

Ana, tudo bem?

Adorei essa receita e também caí na besteira de fazer a pergunta: "Você quer bolo de quê?" Daí em diante, meu problema foi o que você tão bem relatou.

Eu suponho que seja determinante na massa o tamanho dos pedaços de maçã. Até porque pedaços menores soltarão mais líquido. os maiores menos. Mais ou menos, em pedaços de que tamanho você cortou as maçãs?

Obrigado!

Marcelo

Anônimo disse...

Oi Anna! Vou fazer esse bolo no sábado para o aniversário do meu marido. Preciso de uma ajuda, aqui em casa não gostamos de cream cheese, eu poderia substituir a cobertura por chantily? E queria fazer um recheio também, qual você sugere? Obrigada!

Ana Elisa Granziera disse...

Anônimo...
hmmm... o cream cheese não fica com gosto de cream cheese nessa cobertura, mas tudo bem. Acho que chantilly firme pode ficar gostoso. Outro recheio? De repente creme de confeiteiro? Só que tem que ficar bem firme, para aguentar o peso do bolo, grudar as duas camadas e não escorrer para fora.

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails