domingo, 14 de junho de 2009

PADARIA DE DOMINGO 33: Pão de centeio, cerveja e alcaravia

Este é um daqueles pães que me dão vontade de comer picles. Ok, talvez eu tenha visto fotos demais em livros de cozinha alemã mostrando pão de centeio e picles. Mas a verdade é que pães de centeio de fato combinam maravilhosamente com todos esses sabores mais fortes, como picles, queijos de cabra... Hmmm... Recomendo que você compre uma boa cerveja para fazer esse pão, pois o sabor dela fica realmente pronunciado. Sem contar que alguém vai ter que terminar de beber a garrafa enquanto o pão está no forno... ;)

PÃO DE CENTEIO, CERVEJA E ALCARAVIA
(do livro Culinária Ilustrada Passo a Passo - Pães, Bolos e Tortas)
Tempo de preparo: 2h15min + 50 min. forno
Rendimento: 1 pão médio


Ingredientes:
  • 15g fermento ativo fresco
  • 4 colh. (sopa) água
  • 1 colh. (sopa) melado de cana
  • 1 colh. (sopa) óleo vegetal
  • 1 colh. (sopa) sementes de alcaravia / kummel
  • 2 colh. (chá) sal
  • 1 xíc. cerveja tipo Bock
  • 250g farinha de centeio
  • 175g farinha de trigo
  • 1 clara de ovo para pincelar

Preparo:
  1. Dissolva o fermento na água e deixe descansar por 5 minutos. Junte o melado, o óleo, 2/3 das sementes de alcaravia e o sal e misture. Junte a cerveja e em seguida a farinha de centeio. Misture bem com a mão.
  2. Adicione a farinha de trigo, 60g por vez, misturando bem a cada adição. A massa deve ficar macia e ainda ligeiramente pegajosa.
  3. Vire a massa sobre uma bancada ligeiramente enfarinhada e sove por uns 10 minutos, até que a massa esteja lisa e elástica.
  4. Forme uma bola e coloque em uma tigela grande untada com um fio de óleo. Gire a bola na tigela, para recobri-la de uma fina película de óleo. Cubra com um pano e deixe fermentar por 1h30-2h, até que a massa dobre de volume.
  5. Polvilhe farinha ou fubá numa assadeira. Coloque a massa na bancada ligeiramente enfarinhada e sove novamente por uns 20 segundos. Forme uma bola novamente e deixe descansar por 5 minutos.
  6. Abra a massa com as mãos em forma oval, de uns 25cm de comprimento. Role-a como um rocambole, pressionando bem as extremidades para selar bem a massa e afinar as pontas. Coloque o pão na assadeira, cubra com um pano e deixe fermentar novamente por 45 minutos, até que dobre de volume. Enquanto isso, aqueça o forno a 190ºC.
  7. Pincele o pão com a clara de ovo. Polvilhe as sementes de alcaravia reservadas e faça 3-4 cortes diagonais no pão. Leve-o ao forno por 50-55 minutos, até que esteja dourado-escuro e emita um som oco quando você bater na parte de baixo com os nós dos dedos. Deixe esfriar completamente antes de servir.

13 comentários:

Fernanda T disse...

Deve ser perfect pra comer com queijinho, pickles e linguica!! MMM

Anônimo disse...

Oi Ana,

Só posso definir MARAVILHOSO!!!! Vou tentar fazê-lo

Miti

Cris disse...

que delícia de pão... será q já gostei (sem nem provar) pq minha família tem descendência alemã e já imaginei o pão quentinho com picles e muita manteiga, acompanhado de uma boa cerveja?!
Combinação perfeita!!
Ana, uma pergunta: pra q serve a farinha de semolina de trigo, ela pode ser usada para fazer pães? Nunca encontrei resposta pra isso... Antecipadamente, muito obrigada! :-)

mangiachetefabene disse...

Ana, seus pães sempre tão lindos e perfeitos!!!! Vou anotar essa receita, minha mãe também usa cerveja nos pães e ficam deliciosos!
Um beijo grande!
Adorei a Nonna em treinamento!

Karin disse...

NHAM! Salivei... juro que vou tentar fazer!

Nato disse...

Muito bom!!! Gostei da idéia da cerveja. Apesar de eu ser um Schneider, confesso que nunca utilizei alcarávia (kümel). Depois desta sua postagem vou ter que procurar este ingrediente por aqui. Semana passada eu fiz um pão Frances com uma receita do Olivier Anquier. De todas as minhas experiências com o tal “Pão Frances”, certamente que esta foi o melhor resultado até agora. Agora vou dar um pulinho na Alemanha e fazer este que está com uma cara ótima. Obrigado e parabéns!

Patricia Scarpin disse...

Isso não vai ser problema lá em casa, Ana - o João adora cerveja. E eu também. :)
Geralmente tomo Stella, que é mais levinha, mas abriria uma exceção feliz da vida por este pão maravilhoso.

Tamy disse...

nossa que lindo esse pão...

sempre quis saber como usar a alcaravia... acho que agora aprendi um dos modos, né???!!


beijos

Leti disse...

Ana, adoro seu blog! Com receitas e fotos maravilhosas, além do incentivo a home-made food, minha próxima tentativa será este pão! Também tenho a mesma dúvida da Cris, sobre a farinha de semolina. Já usei para massa de sfiha, mas misturada com a farinha comum (2:1), deu certo! A semolina de trigo sozinha tive receio de usar. Bjs e parabéns!

Nina disse...

Ana,
Como sempre seus pães são inspiradores!
Fico a espera toda segunda pelo resultado da sua padaria de domingo!
Graças a suas fotos maravilhosas tomei coragem e comecei a só comer pão feito em casa!
Normalmente uso suas receitas, que sempre são super bem explicadas e deliciosas!
Parabéns
Nina

Germana disse...

Gostaria de saber se o fermento ativo e o mesmo que fermento biologico fresco( comprado em padaria)

Simplesmente Mariza disse...

Maravilhoso. É claro que vou experimentar....não resisto.Hum....a alcarávia dixa um perfume na hora de assar. Ai que delícia!

Paulo César disse...

Ana,

Primeiramente gostaria de dizer que adoro seu blog, é uma inspiração. Estou procurando uma receita de pão Alemão chamado vollkorn-brot, é 100% integral com grãos inteiros, bem úmido...
Se vc puder me ajudar ...agradeço.
Marcela
(marcelaalcastro@globo.com)

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails