sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Folha amarga + folha amarga + fruta ácida = ana elisa feliz

Tenho algo a confessar... Sempre me retorci de inveja das saladas fantásticas da Fer. [Sim, Fer, queria almoçar na sua casa todo dia!] Eu me perguntava como ela podia ter tanta coisa apetitosa em sua cozinha, e como podia produzir saladas (e fotos de saladas) tão criativas, coloridas e interessantes. Dava dois passos até a cozinha, abria minha geladeira, e nunca havia lá ingredientes suficientes para uma salada que prestasse. Frustração.

Foi só com o início da palavra que começa com "d" e termina com "ieta", e sobre a qual não agüento mais falar a respeito, que tive de aumentar consideravelmente a quantidade de legumes, frutas e verduras de minha geladeira [o que parece estranho para uma semivegetariana, mas fazer o quê?!] e finalmente passei a ter em minha cozinha uma paleta de cores e texturas digna de uma boa salada.

Essa, feita ontem, adaptada de ou inspirada por uma receita do livro Jamie at Home, produziu em mim um tipo de felicidade que só tenho ao observar cores vibrantes no prato e sentir bons gostos na boca. Como não se sentir contente ao ver a mistura do rubi do radiccho, o amarelo cítrico e delicado da endívia e o verde radiante da maçã, tudo pontilhado de salsinha e coberto de um molho simples e cremoso? Adoro a crocância da maçã verde e a penugem suave das barcas de endívia.

Enquanto jantava, olhei para o pôr-do-sol lá fora e vi que o céu tinha o mesmo tom amarelo e cor-de-vinho de meu prato.

Fer, você com certeza me inspira, e esse post é para você. ;)

Para preparar a salada, corte uma maçã verde em quartos, sem o miolo, e fatie fino. Misture às folhas inteiras de radicchio e endívia (quantas bastarem). Em uma tigelinha, misture bem 1 colh. (sopa) de azeite extra-virgem, 1 colh. (sopa) de iogurte natural integral, 1 colh. (chá) de vinagre de cidra e sal e pimenta-do-reino a gosto. Despeje sobre a salada, salpique com um punhado de salsinha picada e misture muito bem. Serve uma porção.

8 comentários:

Anônimo disse...

Ana,
você tem razão as saladas da Fer são inacreditáveis de apetitosas , realmente um luxo ! Mas essa sua não perde nadinha ... você se inspirou muito bem ! Que delicia !
Também adoro radicchio , mas aqui na minha cidade é um pouco dificil de se achar ... é uma pena !
Grande beijo e bom final de semana

Gabriela disse...

eita saladinha boa!! =))

Glau disse...

linda foto, querida
bjos

Bigode de chocolade disse...

Ana, fiquei com a tal geleia de radicchio na cabeca... fucei e achei receita. Uma que leva amareto e vodka. Assim que tiver oportunidade (=tutu) compro um pedacinho de queijo italiano, um vinhozinho, faco a geleia e... escrevo um post. Ah, o pao do Bertinet é muito bom mesmo. Esse livro vai me engordar. Amanha mesmo vou comprar uns radicchio para compensar. Abraco.

Ana Elisa disse...

"Anônimo",
Brigadinha... [vergonha...]

Gabriela,
ficou gostoooosa...

Glau,
obrigada!

Eugenio,
homem! Será que é a tal marmelatta di radicchio??? Ai, ai, ai... Fiquei curiosa...

Bjos

BETO disse...

Oi Ana, estou passando só para convidar você para participar do desafio de aniversário do meu blog.

Dá uma olhada no link para saber como participar e quais os prêmios para os vencedores.

http://receitapassoapasso.blogspot.com/2009/02/desafio-de-aniversario.html

Abraços,

BETO

Patricia Scarpin disse...

Ana, sabe que eu sinto isso com as receitas de massa da Fer? São sempre diferentes, e adoro - tem uma de molho de alcachofra com limão que já fiz umas 100 vezes, de tão boa que é. :D
A sua salada está lindíssima!

Ana Elisa disse...

Beto,
vi no seu blog! Ainda estou pensando com o que participar. Pensei no pizzoccheri, mas como ele depende de achar farinha de trigo sarraceno... complica.

Patrícia,
ai, nem me fala nas massas... ainda mais com alcachofra, que eu adooooro... Obrigada! :)

Bjos

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails