sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Que mané chá de latinha o quê...


Pobre de mim, que nunca pensara em fazer meu próprio chá gelado. Quer dizer... chá de hortelã, de capim-cidreira, ok. Mas aqueles "sabor pêssego" em latinhas amarelas... Folheando o novo livro da Heidi, dei de cara com várias receitas de chá preto gelado, como aqueles servidos com refil infinito nos restaurantes americanos, ou o tal de lata, empacotado de açúcar. [Aliás... descobri recentemente que a ordem dos ingredientes nos rótulos não é por acaso: eles são listados do que há em maior quantidade para menor. É sempre bom ter mais uma informação que alimente minha rotulofobia...]

É muito bom ter uma jarra de chá gelado, saboroso e refrescante, ao seu lado nesse calor dos infernos; principalmente se você passa o dia todo num apartamento com conflitos de identidade – ele acha que é uma sauna. Para minha jarrinha de aproximadamente 1,5l, fervi a água com 3 saquinhos de chá preto, algumas fatias de limão siciliano, um pedaço de gengibre de uns 2cm e 1/8 xíc. de açúcar orgânico. Ferver o chá já com o açúcar faz com que ele não desça para o fundo da jarra nunca mais. Desliguei o fogo, tampei e deixei quietinho por uns 10 minutos, então coando e deixando esfriar antes de levar à geladeira. Beeeem melhor que o de latinha, com beeeem menos açúcar e beeeeem mais barato. Aumente ou diminua quantidades de chá preto e açúcar à vontade...

15 comentários:

caosnacozinha disse...

Ana, maravilha! Eu adoro o chá pouco doce dos refills infinitos dos restaurantes americanos. Acho que não bebi mais nada quando estive lá duas semanas em Fevereiro e voltei com vontade de mais. Obrigada pela dica e pela receita! A partir de agora sempre haverá uma jarrona de chá gelado no meu frigorífico!

Beijo *
Mariana

Bigode de chocolade disse...

Por causa do jejum tô numa fase-chá. Gosto de tudo: verde, jasmim, frutas. Como meu chá-mate anda no limite resolvi experimentar o impossível. Tenho dois sacoes de erva-mate para chimarrao trazidos pelos meus pais na última visita. Preparei com um chá normal, uns 5 minutos de infusao e nao é que fica delicioso!

Anônimo disse...

Nao tomas o cha light ? Adoro o cha verde Feel Good que tem zero calorias , mas nada como o preparado em casa mesmo . gosto do oolong tea com gengibre e limao siciliano . by the way ....Seu blog é muito bonito . Adorei .
Angelina

Ana Elisa disse...

Mariana,
experimenta também substituindo o gengibre por um pau de canela. Boooom...

Eugenio,
Que engraçado, na minha cabeça erva-mate só dava para preparar do jeito do chimarrão... Vivendo e aprendendo...

Angelina,
Não, não tomo nada que seja light, porque detesto gosto de adoçante e ninguém nunca me convenceu de que eles não fazem mal para a saúde... Eu gostava muito do chá verde Feel Good quando ele ainda não fazia propaganda e não se posicionava como "0 açúcar". Quando eles mudaram o posicionamento, acho que também mudaram a fórmula, e não gostei do gosto novo... Uma pena... O Ooolong nunca provei... Fiquei curiosa...

Beijos!

brisak disse...

Ana Elisa, experimenta sem acucar ou adocante. Eh muito bom!! Comecei a fazer isso aos 17 anos (qdo "virei" vegetariana) e hoje, nao consigo tomar cha doce. Sem "doce" eh muiiiito melhor ( e eu gosto de Nutella, por ex:))

Happy Weekend..

Leila disse...

Ana, dá pra fazer o seguinte: bater chá mate em pó, suco de pêssego (q vc faz), gelo e açúcar. Fica boooommmmm!!!

Anônimo disse...

Realmente o chá feito em casa é bem melhor...mas eu não me dou bem com o chá preto, só o chá matte é que o meu estômago tolera um pouco mais...é uma pena porque adoro chá gelado...mas não abro mão do café, então não posso ter tudo...rsrsrsrs...mas agora descobri a soda italiana...hummmm....que refrescante...mas ainda não fiz em casa...sei que leva suco e água com gás...é isso?...tem alguma receita esperta Ana?
Bjs. Cláudia Nantes

Ana Elisa disse...

Brisak,
chá quente eu costumo tomar sem açúcar também. Mas o gelado eu prefiro um nadinha doce... ;)

Leila,
uuuh... boa dica! Obrigada!

Cláudia,
pior que não tenho... Não sou muito fã de água com gás, então nunca prestei atenção... :(

Bjos

Anônimo disse...

É Ana
O pior é que também não sou fã de água com gás, mas essa soda italiana que servem na cafeteria aqui perto de casa é divina...assim como não sou fã de adoçante e agora descobri a sucralose...assim é a vida...rsrsrsrs
Bjs e obrigada.
Cláudia Nantes
claudianantes@bol.com.br

Anônimo disse...

Ola ana, a respeito do Feel Good ,só vim a conhecer depois da mudança desse posicionamento . Acredito que ja fora melhor, ja que tem ele lançado tantos outros sabores "healthy wanna be" que acaba mudando completamente o sabor da camellia senensis . Bem quanto ao oolong tea , é extraido da mesma folha
do cha verde ,preto , branco, vermelho : a camelia sinensis . O que difere é o processo de fermentacao. A folha do cha verde nao sofre nenhuma fermentacao , ja na do cha preto, as folhas são totalmente fermentadas, e na do oolong semi-fermentada. Ela pasa por um processo de secagem e depois aquecimento pra remover umas enzimas que promove a oxidação. O torrado é muito gostoso preparado gelado .

Beijos
Angelina

Roberta Bernardo disse...

Adorei a dica... amo chá gelado e não tive o ímpeto de fazê-lo. Agora mudei de opinião! =))
Ameiiiiiiii o blog. Parabéns pelas receitas e pelo design, harmonia perfeita!
Bjks

Ana Paula disse...

Lindo seu blog, inteligente e sensato. Amei o post do chá, adoro chá, seja mate, orange, jasmim, chamomila, preto, etcccccc...
Também não suporto adoçantes e ultimamente me sinto meio que a excessão, pois tudo que é bebida é diet ou light, o que adultera em muito seu sabor. Vou almoçar na casa de amigos ou da família nos finais de semana e só tem refri diet ou zero, será que vou ter que morar em Marte, pois me sinto meio alienígena. Bjs

Cynthia disse...

Fiz essa receita com adoçante e ficou muito boa! Obrigada pela dica.
Beijos

Claudia disse...

Olá, cheguei ao teu blog agora, por acaso. Bem interesssante!

Sou fã de chás pretos, verdes e brancos, cheios de cafeína e energia, infusões de frutas secas não me apetecem.

Mas a minha bebida favorita ainda é uma jarra cheia de mate gelado batido, espumado. A erva sulamericana, no caso paranaense, é puro perfume e sabor. Verde ou torrada eu amo.

Cresci tomando mate gelado com suco de limão ou de maracujá que minha mãe fazia sempre sem açúcar misturado com sucos de frutas. No Rio de Janeiro da minha infância todo mundo tomava mate. Até hoje bato o mate esfriado com gelo e maracujá e fica tudddooooo de bom.

As pessoas não lêem sobre o mate nos livros estrangeiros, nem nas revistas americanas mas vale a pena experimentar o menino dos olhos do Rio.

Claudia

DTUMP disse...

Ana, maravilhosa a receita, eu como bebo muito cha, ja fiz 3 litros, metade eu fiz com cha verde e a outra metade com cha mate, porem os dois com limao e gengibre.
adorei, ja estou pensando como posso variar e fazer outros sabores.

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails