segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Panettone e arrego


Chegando à reta final do barrigão gigante. Duas? Três? Quatro semanas? Ninguém sabe, pois ao que tudo indica minha pequena justiceira é apressadinha, além de hiperativa (puxou a mãe?). Apesar de, graças aos deuses, não ter inchado ou engordado como no fim da primeira gravidez (benzadeus pela filha ogra, que sugou toda a gordura que pus pra dentro), a pança anda pesando um bocado, uma mão saindo pelo umbigo, outra empurrando minha bexiga, um pé no externo e outro nos meus pulmões. Não tenho fôlego mais para coisa nenhuma, e meu marido frequentemente olha para mim com ares de piedade, ao me ver ofegante e suspirante durante o simples ato de abaixar para catar um brinquedo do chão.

É isso. ARREGUEI.
Olha o tamanho da melancia.
E o cabelo bicolor-água-de-salsicha, que não vejo a hora de pintar de castanho de novo.
(Grávida com cara de psicopata, segundo meu marido.)
Por isso, nesse Natal, "delarguei" a ceia. Zero condições de ficar três dias com umbigo no fogão como fiz nos outros anos. Disponibilizei casa e bebida, e comida foi toda trazida pela mãe e pela sogra. E foi uma delícia.

No entanto, agora o tempo chuvoso trouxe temperaturas mais amenas, eu oficialmente entrei em "pré-licença maternidade" [não vou pegar nenhuma encomenda de trabalho, mas continuarei vendendo o que estiver disponível na LOJA] e a pressão da data-limite 25 de dezembro passou. O que restou agora foi a vontade de produzir todos os quitutes que ignorei em dezembro. E se o supermercado pode vender panettone em setembro, por que não posso prepará-lo depois do Natal? (E torrone em janeiro? E panforte em julho? Quem se importa?)

Esse foi uma adaptaçãozinha de nada de uma receita da tia Martha Stewart, e, depois de experimentar essa textura de nuvem, decidi que é esse meu panettone oficial a partir de agora. Se você também não se importa em fazer panettone depois do Natal, faça esse.

Enquanto como minhas fatias (e divido com o pimpolho, fã de frutas secas como a mãe, e que descobriu o figo seco e o tem comido como se fosse chocolate), fico esperando a chegada da pequena ginasta de barriga, e fantasiando com minhas margaritas, meus vestidos de cintura marcada, minha soneca de bruços...

PANETTONE
(ligeiramente do ótimo livro Martha Stewart Baking Handbook)
Rendimento: 1 panettone

Ingredientes:
  • 1 xic. frutas secas (usei uma mistura de frutas cristalizadas, passas escuras e claras)
  • 80ml suco de laranja
  • 80ml  suco de limão siciliano
  • 40ml rum escuro
  • 1/8 colh. (chá) noz moscada ralada na hora
  • 40ml água morna
  • 2 1/4 colh. (chá) fermento biológico seco
  • pouco mais de 2 xícaras de farinha branca orgânica (295g)
  • 1/4 xic. leite integral morno
  • 1/3 xic. açúcar cristal orgânico
  • 2 ovos grandes, orgânicos, + 2 gemas pequenas (ou 1 bem grande)
  • 1/2 colh. (chá) extrato natural de baunilha
  • 90g manteiga sem sal, gelada, cortada em cubinhos (e mais para pincelar)
  • 1/2 colh. (chá) sal cheia
  • 1/2 colh. (sopa) creme de leite fresco

Preparo:
  1. Misture as frutas, os sucos, o rum e a noz moscada, cubra e deixe macerar enquanto prepara o panettone.
  2. Numa tigela pequena, junte a água morna e metade do fermento e deixe descansar por 5 minutos até que espume. Junte 1/4 da farinha, misture e cubra com filme plástico, deixando que fermente e dobre de tamanho por 30 minutos.
  3. Coloque o leite morno numa tigela média e polvilhe o restante do fermento. Deixe descansar por 5 minutos até que espume. Enquanto isso, numa tigela média, bata os ovos, as gemas, o açúcar e a baunilha até que fique homogêneo. Junte a mistura de leite.
  4. Na tigela da batedeira planetária, bata a manteiga gelada, o sal e o restante da farinha, usando a pá, até que forme uma farofa grossa. (Alternativamente, faça isso com as pontas dos dedos numa tigela grande.)
  5. Com a batedeira em velocidade baixa, junte a mistura de ovos e bata em velocidade média até que fique uniforme. (Alternativamente, bata com uma colher de pau.)
  6. Junte a massinha de farinha e fermento e bata vigorosamente até que fique grudenta e elástica, e forme longos fios quando esticada, cerca de 9 minutos. Pode parecer que aquilo nunca vai virar massa, mas vai sim. 
  7. Escorra as frutas cristalizadas, descartando o líquido, e junte-as à massa, sovando para incorporar bem. Coloque a massa numa tigela grande, untada com manteiga, e cubra com filme plástico. Deixe fermentar por cerca de 2 horas.
  8. Unte generosamente uma forma de panettone de 16cm de diâmetro. Alternativamente, use a forma de papel, sem untar, ou faça como eu: use uma forma de bolo de 16cm, unte, e crie as paredes altas com camada dupla ou tripla de papel alumínio bem untado. Coloque a forma numa assadeira. 
  9. Coloque a massa numa superfície ligeiramente enfarinhada e sove um pouco. Forme uma bola e coloque dentro da forma. Cubra com um pano ou filme plástico e deixe fermentar por mais 45-60 minutos. Enquanto isso, pré-aqueça o forno a 205ºC, com a grade na posição mais baixa. 
  10. Pincele a superfície do panettone com creme de leite e, usando uma tesoura de cozinha, faça dois cortes no topo, fazendo um X. Asse por 15 minutos. Reduza a temperatura para 180ºC e continue assando, até que esteja dourado escuro e um palito inserido no meio saia limpo, cerca de 45 minutos. (Fique atento a qualquer cheiro de queimado, para que o fundo não queime. E se a parte de cima dourar rápido demais, cubra com papel alumínio soltinho.)
  11. Transfira a assadeira para uma grade e deixe esfriar por 15-20 minutos. Desenforme o panettone e deixe esfriar completamente. Dura 3 dias bem embrulhado em filme plástico.

26 comentários:

thatiana Bandeira disse...

Que barriga linda!!!
Feliz 2013 para todos vocês...
Beijos

Fernanda Amarante disse...

Ana,
O panettone deve estar delicioso, e você fez bem em não se matar no fogão. Cozinhar é ótimo, quando a gente está fisicamente apta a tal. Você está linda e de parabéns! Espero que a princesa guerreira chegue logo e com muita saúde. Um ótimo 2013 pra vocês!

Gabriela Lima disse...

ô gente, mas tá grávida demais, hahaha! Barriga grandona!, quase parecendo minha mãe quando esteve grávida de mim. O que podemos desejar para nós e para todos nesse (mais um) fim de ano? Não preciso desejar uma vida feliz, que acho que você já tenha; nem uma filha linda, porque ela será, sem dúvida, uma guerreira comedora de batatas lindona!; um casamento feliz, também acredito que você já tenha... Acho que só posso desejar que o blog nunca pereça, hahaha! Você nos tem ajudado bastante durante todo esse tempo e todos esses posts, e eu, pessoalmente, tenho aprendido muito com você. Muito mesmo! Sinto-me na obrigação de agradecer e de congratular: OBRIGADA e PARABÉNS!

E um 2013 muito feliz para você, sua família e todos(as) nós que acompanhamos o blog!

Carolina Frîncu disse...

Ana, cara psicopata é uma definição interessante... Na verdade, ele tem razão...rs Seguinte, fim de 2011 prometi a mim mesma que cozinharia mais (já era um rato de cozinha, mas achava que precisava de mais) e vc ajudou muito com as receitas deliciosas que compartilhou. Obrigada! Boa reta final com esse barrigão lindo! Que seja um 2013 produtivo, alegre. Continuo desejando que as transições sejam suaves e que o Thomas desfralde fácil. Bjão!

Pepa disse...

Ana você está linda !!!

E seu barrigão parece com o da minhã mãe quando estava grávida de mim.
rsrsr

Eu aprendo muito com você e suas receitas, e coaduno com o mesmo pensamento, porque não panforte em julho ?? srsr

Um lindo e calmo parto com tudo de mais perfeito é meu desejo para ti e toda sua família...

Bjus 1000 querida

Anônimo disse...

oi, meu marido é intolerante a lactose, posso substituir o creme de leite pelo que? Obrigada :) Feliz ano novo!

Alessandra

Livia Luzete disse...

Como você está linda!!! Que benção a segunda gravidez não te trazer um sobrepeso. Mas sei sim, na reta final ofegamos muitos e tá na hora mesmo do bebê vir para a luz!Tudo aperta,tudo incomoda a nós e a eles!

Panetone fora de época?? Aqui é uma regra! Como tudo fora e dentro da época!!..rsr Ainda mais panetone.

Fiquei tão feliz quando ví no feed seu post! Uhuuu!
E que delícia de receita. Indo já para cozinha fazer esse já que as fornadas de panetone acabaram ontem!
Beijão a todos!Feliz 2013 e que venha essa pequena ginasta!

Fúlvia e Suzie disse...

Vc está linda!! Há 3 meses era eu com essa barriga grande e minha pequena, a segundinha, agitada dentro dela.

E este panettone está com uma cara linda, certeza que vou fazê-lo pra minha pequena fã de uvas passas!

Feliz 2013!! Beijos, Fúlvia

Fúlvia e Suzie disse...

Está linda!!! Há 3 meses era eu com esse barrigão, com a minha segundinha dentro dele, aprontando mil e uma comigo.

E certeza que farei esse panettone, que está com uma cara ótima!

Beijos e feliz 2013! Fúlvia

Fabiana disse...

Ana, você está linda, mesmo com a carinha de psicopata rsrs
Amei a receita de panetone, parece delicioso demais esse panetone e pareceu uma receita até simples de fazer...
Aproveite esses últimos dias de barrigão e descanse mesmo, você merece.
E que seu ano seja de muita felicidade e que sua pequena princesa ginasta venha com muita saúde. Tudo de bom pra você e sua família :)

Eva Mousin disse...

Psicopata, rsrsrsr... Na verdade a gente fica tão cansada que qualquer coisinha a mais quase desperta o assassino em nós nessa época. E eu nem estou falando da gravidez, certo?
Mas olha, vc tá de parabéns. Daqui um ano vai ver a sua linda ginasta de barriga aprontando junto com o irmão. Um excelente 2013 pra vcs.

Mari disse...

Que barriga linda! A pequena arrasadora de corações, pelo visto não tem nada de pequena!
Tudo de bom pra vocês todos em 2013! Muita saúde!!!
ps.: Fiz a mousse de chocolate que você indicou para a ceia do Reveillon, mas como falou luz, não sei se ficou mole por causa da falta de resfriamento ou se perdi o ponto do chantily! Mais um motivo pra fazer novamente!!!
;o)

Cynthia Nogueira disse...

Nem prestei atenção em receita de panetone.
Que barrigão mais lindo!!! E que pele mais lisinha é essa?
Eita, mulher abençoada !!!
Feliz 2013, que você tenha um parto tranquilo e que traga logo fotos da sua menina pra matar a curiosidade da gente.
Bjos e bom descanso.

Mamãe do Otávio disse...

Oi querida, estou amando seus posts!
Ontem me atrevi a fazer manteiga de garrafa! Vc já experimentou?
bjão e boa hora! ;)

Aretha Castro disse...

Ana Elisa,

Parabéns pelo lindo barrigão e pelo folego em fazer panetone :)

Tentei hoje fazer a receita. Medi tudo, comprei farinha orgânica (realmente deve fazer diferença pois ela é muito mais leve.).
Mas a minha massa virou algo muito muito mole. Imaginei que seria mole mesmo pois foi feita com a pá e não com o gancho, mas é isso mesmo? Bem mole?
Eu só conseguir dar alguma forma na segunda sova, enfarinhando a mesa. Na primeira, sovei na tigela mesmo só para colocar as frutas na massa e estava muito grudenta.
Me dá uma luz?
Obrigada e bjs,

Aretha

Ana E.G. Granziera disse...

Aretha,
é isso mesmo, a massa é bem molinha, por isso que falo que deve dar pra fazer até com colher de pau. Você bate ela um bocado antes que ela envolva a pá e fique mais manipulável. Talvez você não tenha batido o suficiente. Mas depois da segunda fermentação, ela fica minimamente "moldável" em forma de bola. É o fato de ser tão úmida que faz com que o panetone fique tão macio, e não ressecado como a maioria dos panetones caseiros.

abs

Batata Frita® disse...

Nossa, Ana, que grávida linda!!! Que a sua hora seja pequenina e que a pequena ginasta venha cheia de saúde para fazer companhia ao matador de dragões!!!
Beijocas fofas e Feliz 2013

Erika Fernanda disse...

Ana

que barriga linda, e que passe logo os dias pra acabar essa espera e ver logo o rosto da sua filhota.
Não vejo a hora de fazer esse panetone ficou lindo demais!

Adoro seu blog, a forma como escreve e ultimamente visito ele demais pra sempre fazer alguma receita de pão, queria agradecer muito mesmo.

Abraços
Erika

Léia disse...

ANA SUA BARRIGA ESTÁ LINDA E PELO FORMATO O GRANDE DIA ESTÁ PROXIMO.
DESEJO QUE CORRA TUDO BEM EM SEU PARTO E QUE ESSA ATLETAZINHA VENHA COM MUITA SAÚDE E BEM CALMIHA PARA QUE A MAMÃE POSSA COLOCAR EM DIA O SONO QUE PERDEU NESTA RETA FINAL, SEI BEM COMO É, RSRS.QUANTO AO PANETONE, NÃO ME ADMIRA QUE SEJA SUA RECEITA OFICIAL, FICOU COM UMA CARA ÓTIMA, PARECE BEM MACIO E PERFUMADO.ARRASOU.
UM 2013 CHEIO DE SAÚDE, PAZ, HARMONIA E PROSPERIDADE.BEIJOS.

Madriany disse...

Primeiramente preciso aprender a fazer pão Ana, antes de embarcar nos sonhos dos panetones. Sabe, eu li tudo que você escreveu tentando esclarecer sobre eles(os pães)e muito mais, no entanto, nada. Simplesmente nada. Certo! pra não dizer que consegui nada... consegui pães densos, com texturas impróprias e sem crescimento. Será que depois do bebê terias um tempinho pra me ajudar? Adoro seus postes sobre pães e toooodos os outros. Madriany.

Carolina Frîncu disse...

Essa menina quer te dar um balé de 42 semanas mesmo, né? Guenta aí! Ana, passei prá te agradecer. Que panetone delicioso! Dá até raiva comprar um com gosto de cola agora... Ficou super fofinho, as frutas com um quê (confesso que cometi um crime por não ter rum em casa e usei essência de rum + um licor que estava rolando por aqui)especial, o cheiro na casa (um dos grandes méritos do pão caseiro) e minha pequena feliz com um pedaço na mão agora. Agora posso ter meu panetone o ano todo. E os kg da segunda gestação vão ficando por aqui... Bjão, guenta aí com a guria que logo ela chega (chegou??). Deus te abençoe!

Lívia disse...

Ana, sou sua fã e estou torcendo que a sua menina chegue em grande estilo. Um grande beijo e obrigada por compartilhar não apenas as receitas, mas as chatices (que ecoam nas minhas) e o humor rascante que dá ao seu texto uma graça muito particular.

Um beijo.

Ive disse...

Ana,
Fiz o Panetone, mas não deu certo.

Não sei se errei em bater a massa com o fermento na batedeira pra tentar chegar a consistência referida, já que eu não consegui atingi-la nem depois de 9 min, não sei se foi logo no início, quando coloquei o mesmo em leite ou agua morna... Não sei em que errei. E fiquei triste em não chegar ao resultado, como sempre chego com suas receitas.

Fiz uma pequena alteração também: Troquei as frutas e sua mistura por chocolate, pra agradar o namorado que não mistura frutas, nem frutas com comida. Não sei se influenciou no resultado.

Há alguma dica extra? Quando você diz "bater" os ingredientes, se trata da batedeira com espatulas especificamente?

Grata,

Ive Hiluany Clemente

carol disse...

Parabens pelo blog!!
Menina que barriga mais thilinda!!!
Prabens...

elizabeth disse...

Ana, estou devorando seu blog desde ontem, quando o conheci. Me emocionei, me admirei, desejei cozinhar como você... Gostei tanto que queria ver seu rosto. E vi! Junto com essa barriga linda! Parabéns pelo blog, pelos filhos, pela proposta sincera e pelas decisões que toma.
Elizabeth

Mariana disse...

Olá Ana, tudo bom? Acompanho teu blog há bastante tempo e adoro!!! Teus filhos são uma fofura!!
Fiz esta receita e ficou muito boa. Adorei não precisar colocar essência de panetone (que eu acho horrível). Gostaria de saber se essa receita pode ser dobrada? Obrigada pela tua atenção! Beijokas!!

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails