sexta-feira, 16 de outubro de 2009

UMA SEXTA FEIRA FRUGAL 5: Camarões com feijão fradinho e salsão congelado

Meu marido detesta camarão. Minha teoria é de que é por falta de hábito, uma vez que sua irmã é altamente alérgica. Sabendo que seria uma refeição única e solitária, então, fui à feira, olhei para a senhora que atendia atrás dos bandejões de camarões de diferentes tamanhos, apontei para o escolhido e disse:

"Quero um pouquinho desse aqui."
"Um pouquinho? Quão pouquinho??"
"Tipo assim", expliquei, colocando as duas mãos em uma concha encolhidinha. "É só para mim, e não quero que estrague."
"Assim tá bom?", perguntou, meio desconfiada, ao colocar na bandejinha um punhadinho bem pequeno.
"Perfeito!"
"Mas é tão pouquinho..."

Eu nunca havia preparado camarão antes. Comer? Opa! Adoro camarão! Mas quando estava limitada ao tamanho (e preço) monstro das bandejas pré-pesadas de supermercado, camarão era algo fora de meu alcance. Principalmente sem ter com quem comê-los.

Esse foi meu almoço solitário. Talvez pelo fato da revista Gourmet ter fechado suas portas [um minuto de silêncio, por favor], eu ando fuçando mais nelas em busca de inspiração, o que me deixa ainda mais deprimida por saber que o número de outubro foi provavelmente o último a chegar na minha casa, apesar da minha assinatura ir até dezembro... :(

E tendo preparado feijão fradinho, adorei a ideia de combiná-los aos camarões. Acabei adaptando um pouco, omitindo as cenouras e o bacon, usando pimenta fresca ao invés de seca e usando pimentão vermelho no lugar do verde. Mas ficou delicioso mesmo assim. O caldinho que ficou no fundo me deixou muito na dúvida: não sabia se bebia, entornando o potinho ou se embebia um pãozinho nele. :)

Para uma porção, aqueci uma colher de azeite numa frigideira média e refoguei 1/2 dente de alho pequeno, 1/2 pimenta dedo-de-moça picada, 3 cebolinhas picadas, 1/4 xíc. de pimentão vermelho picado, 1/4 xic. salsão picado, 1 folha de louro, 1/2 colh. (chá) tomilho seco, sal e pimenta-do-reino. Cozinhei até que começassem a dourar. Então juntei 1 xic. do feijão fradinho com seu caldo de cozimento, abaixei o fogo, acertei o tempero e cozinhei em fogo brando por mais 5 minutos. Enquanto isso, aqueci mais um pouco de azeite em outra frigideira e juntei a outra metade de alho picado e um punhado de camarão limpo e sem casca, temperado com sal e pimenta-do-reino, cozinhando por uns 3 minutos em fogo médio-alto, até que estivessem opacos. Juntei tudo na tigelinha e nham!

A DICA FRUGAL: SALSÃO/AIPO CONGELADO
Salsão sempre vem naqueles maços imensos, que, a menos que você o coloque em tudo que cozinha, acaba ficando molenga na geladeira e estragando. Compre-o, lave-o, retire as folhas. Separe o coração do aipo, com as folhas verde-claras e pequenas, para saladas, pois essa é a melhor parte do salsão. O restante, pique. Ou tudo de um tamanho que você use sempre, ou metade em pedaços grosseiros, para cozidos, metade miúdo, para refogar com cebola. Ferva água em uma panela grande, e tenha uma tigela também grande ao lado, com água e cubos de gelo. Jogue o salsão picado na panela e ferva por 1 minuto. Então retire com uma escumadeira e jogue na tigela de água gelada, para parar o cozimento. Escorra bem e espalhe em uma camada só o salsão sobre uma assadeira que caiba no seu freezer. Os pedaços não devem ficar grudadinhos uns nos outros, ou eles congelarão grudados. Leve ao freezer por algumas horas. Quando estiverem bem congelados, passe-os para um saquinho ou tupperware e volte-o ao freezer. O branqueamento (fervura e água gelada) faz com que o salsão não perca sua textura crocante com o congelamento. E o congelamento individual faz com que os pedacinhos permaneçam soltos dentro do saquinho depois, deixando mais fácil a tarefa de retirar apenas a porção necessária. Claro, deixe os pedaços maiores num saco e os miudinhos em outro. Fazendo isso, se você for uma consumidora de salsão não muito voraz como eu, precisará comprar salsão uma vez a cada três ou quatro meses, e poderá usá-lo sempre que quiser.

15 comentários:

carladuc disse...

Oi Ana,

Essa sugestão do feijão fradinho com camarão eu adorei. Já encontrei e comprei o feijão. Agora só falta o camarão. Vou mandar ver. ;)

E, QUE ÓTIMA DICA a do salsão! Eu sempre acabo jogando algum salsão fora, por mais que me esforce. A partir de agora, branqueamento e freezer neles.

Um outro problema que eu tinha era com leite de coco. Uma amiga minha me deu a dica de também congelá-lo. Aos pouquinhos vou tentanto resolver e minimizar o máximo que puder o desperdício.

Obrigada!

Grande abraço,

valeria disse...

Ana
Acompanho o seu blog há um tempão mas nunca comentei.Adorei a dica do salsão pois sempre pensei em congelá-lo mas não sabia como. Uma pergunta: vc conta 1 minuto logo que joga na panela ou depois que levanta fervura novamente?
Bj

Valéria

Karin Fromm disse...

Ana, outro bom uso para os talos duros do salsão é usá-los nos sucos verdes, na centrífuga com maçã por exemplo, fica delicioso. Super diurético!
Beijo!

Dani - Paladar disse...

Tb tenho esse problema aqui em casa, meu amado não encara as coidas do mar como eu...rs

Mas camarão com feijão é uma mistura que eu nunca imaginei fora do acarajé claro.

Boa dica essa do congelamento, ando anotando todas essas descobertas com congelados, acho muito útil esse aprendizado nos dias corridos que tempos agora.

Cortinove disse...

Deu uma inveja esta história de camarão !!!
Minha alergia a estes bichinhos me persegue desde pequeno...a única vez que provei adorei...

Mas fui parar no hospital...!!!

Mas preparar para os amigos/amigas vai ser um prazer...

Uma duvida...O leite de coco quando congelado fica todo em flocos... existe uma mágica ???

Parabéns pelo texto !!!
e pelas receitas claro...

Carla Nogueira Kuramochi disse...

Oi Ana, muito legal a sua dica do congelamento. Também tenho esse problema aqui em casa já que só eu gosto de salsão, mas tem pratos que tem senão fica sem graça.
Ah! Fiz a receita do seu sorvete de morangos. Realmente é maravilhoso!

Obrigada

Bjs

Carla

Bigode de chocolade disse...

Tive uma triste aventura com camarões há pouco tempo. Como é importante conhecer a origem do que consumimos. Não sou alérgico a camarões – isso seria uma tragédia daquelas. Mas comi um punhados deles que vieram de algum canto desse planeta, conservados em um líquido venenoso. Na embalagem se lia, é claro, produto natural. Minha garganta fechou, os olhos arderam e fiquei todo pipocado. Adoro camarão, já disse. Quando vejo alguns, porém, já escuto musiquinha de suspense. Estou adorado a frugalidade dos últimos posts. Altamente inspiradores. Beijo.

Valentina disse...

Gosto de tudo neste posto. A história da compra do camarão, a dica do aipo. Você tem um jeito ótimo de escrever, um cuidado lindo com as palavras. A idéia do feijão fradinho com o camarão me cativou.Gosto muito de feijão..e camarão.

moranguita disse...

bwem adorei este seu camarao.
la em cas ha quem goste assim assim e quem adore muito como eu:-^)
beijinhos

Carol disse...

Nunca imaginei que feijão combinasse com camarão. Fica bom mesmo!!???
Adorei a dica do salsão, os meus ficavam molengas.. rs.
Bjos

Isabela Tibo disse...

Olá Ana! Esse camarão perece ser uma delícia! Outro dia experimentei polvo com feijão verde e amei! Acho que podia viver só de frutos do mar...
Adoro seu blog, a La Nonna é demais!
Bjs

Lá de casa disse...

Nossa, Meu mundo caiu na seman aassada com esse lance da Gourmet. Eu tinha renovado por 2 anos a assinatura e POW!

Ainda bem que ainda tenho a bon appetit para afogar as mágoas e que tem um trabalho tão legal quanto!

Isso tá com uma cara boa!

montricot disse...

Ahhh moça das cores e desenhos!
Bem quieta, sigo sua casinha aqui em longas datas, mas creio nunca ter comentado!
Quando vi sua idéia do camarão com feijão fradinho (que eu nunca havia feito/comido), declarei rendição! Por morar num lugar bem "chato" - Floripa - tenho acesso à camarão fresco a preço bom. E hoje no Mercado Público, comprei os bichinhos e o tal do fradinho... Mas os instintos pervertidos culinários SEMPRE me levam a perverter receitas! Convidei também o cumpadre berbigão (um outro bichinho do mar!)!!! Juntei nessa dança, um maço de espinafre lindo e alho poró, tudo orgânico! Ai ai ai ai...só me resta agradecer e dizer que essa sua receitinha é 10!!!
Beijukka

Juliana - Jukka =)

Tatoo disse...

Oi Ana,
também sou (ou era né?) assinante da Gourmet e para seu conforto te digo que eu recebi ontem a última edição que é a de Novembro. A diferença é que minha assinatura ia até Julho do ano que vem. Vc sabe o que farão de nós?

Valeu...

Eliomara disse...

OI adorei a combinação de camarão com feijão, lá em casa adoromos frutos do mar. A dica que vc deu para o salsão é ótima, ser que funciona com brócolis também, pois lá em casa só eu como dá já viu né!!

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails