quarta-feira, 14 de outubro de 2009

"Paella" vegetariana, ou "arroz de forno tipo paella", para os puristas

Eu não conheço lhufas de cozinha espanhola. Mesmo. Não faço a menor ideia do que esperar de um restaurante espanhol. Não sei por quê, na verdade, uma vez que me parece uma culinária deliciosa. Acho que simplesmente nunca me ocorreu buscar mais informação a respeito. Mas assim como tenho minhas reservas e meus tradicionalismos com relação a determinados pratos italianos, imagino que haja espanhóis e seus descendentes que se mordam de ódio a cada vez que alguém comete alguma espécie de sacrilégio contra seus pratos típicos.
Itálico
Então, espanhóis e descendentes, assim como aqui se vende queijo "tipo parmesão", considerem esse prato como um arroz "tipo paella". Porque é claro que eu também só comi paellas feitas por brasileiros. E é óbvio que eu nunca fiz uma paella tradicional na vida.

O caso é que quando comprei essa panelona verde e rasa, foi a primeira imagem que me veio em mente: paella. E havia arroz arbóreo, e tomates, e páprica e açafrão em casa, e por isso saí em busca de alguma receita vegetariana ou não que eu pudesse adaptar para usar as enormes abobrinhas que habitavam minha gaveta de legumes.

Acabei encontrando uma receita de Mark Bittman – nadinha espanhol é claro – de paella de tomates, feita no forno. Por sua simplicidade e adaptabilidade, foi a escolhida. [Caramba! O corretor ortográfico deixou passar "adaptabilidade". Nunca pensei que isso fosse de fato uma palavra! ;) ] A receita original levava apenas tomates frescos. Na falta deles, usei os em lata, que, da marca que compro, costumam vir inteiros e suficientemente firmes.

A porção é monstruosa, principalmente pensando que a receita original diz ser para 4 ou 6 pessoas. Seis ainda vai. Porque prato é totalmente "repetível". Mas só quatro pedreiros, depois de um dia inteiro carregando tijolos embaixo de um sol de verão, conseguiriam mandar ver 1/4 daquela panela. Ou então são meus hábitos que mudaram. Não sei. De qualquer forma, apesar de acreditar que num jantar normal o panelão alimentaria umas 8 pessoas, numa ocasião especial eu não prepararia para mais do que 6 esfomeados.

Use uma frigideira ou caçarola rasa que de fato possa ir ao forno a altas temperaturas, para não terminar com teflon grudado no arroz ou cabos derretidos. E não use tigelas refratárias, pois o prato é começado e finalizado na chama do fogão.

"PAELLA" VEGETARIANA
(Adaptada daqui)
Rendimento: 6 porções
Tempo de preparo: 15 min. preparo + 30 min. de forno


  • Ingredientes:
  • 3 1/2 xic. caldo de legumes ou água
  • 1 lata de tomates italianos inteiros, sem pele*
  • 1/4 xic. azeite de oliva extra-virgem
  • 1 cebola média, picadinha
  • 1 colh. (sopa) alho picadinho
  • 1 pitada generosa de açafrão
  • 2 colh. (chá) páprica picante ou pimentón
  • 2 xíc. arroz arbóreo ou arroz curto para paella
  • 2 abobrinhas grandes
  • 250g cogumelos Portobello
  • sal e pimenta-do-reino a gosto
  • salsinha picada para finalizar
*Ou faça como a receita original: use 700g de tomates frescos e maduros, cortados em quartos e use 1 colh. (sopa) de purê de tomate junto com a páprica e o açafrão.

Preparo:
  1. Pré-aqueça o forno a 230ºC. Aqueça o caldo de legumes em uma panelinha.
  2. Retire os tomates inteiros da lata, deixando o suco de tomate espesso na lata, e coloque-os em uma tigelinha. Regue-os com 1 colh. (sopa) do azeite, polvilhe com sal e pimenta e reserve.
  3. Corte as abrobrinhas em quatro, no sentido do comprimento, e fatie em pedaços de 0,5cm de espessura. Fatie os cogumelos.
  4. Coloque o restante do azeite em uma frigideira grande (uns 30cm), uma panela para paella ou uma caçarola rasa, e leve a fogo médio-alto. Junte o alho e a cebola, tempere com pouco sal e pimenta e cozinhe, mexendo de vez em quando, até amolecer.
  5. Junte as abobrinhas, tempere novamente, e cozinhe por uns 5 minutos, até que fiquem bem macias. Junte os cogumelos fatiados, misture bem e cozinhe por mais uns 3 minutos, até que amoleçam.
  6. Junte o açafrão, a páprica e 2 colh. (sopa) do suco de tomate da lata (ou 1 colh. (sopa) de purê de tomate) e cozinhe por mais um minuto, mexendo. Junte o arroz e mexa, cozinhando por uns dois minutos, até que o arroz esteja brilhante e ligeiramente translúcido nas pontas.
  7. Despeje o caldo quente e misture apenas para combinar bem. Tempere com sal e pimenta. Disponha os tomates sobre o arroz, despejando o líquido que ficou no fundo da tigela, e leve a panela, sem tampa, ao forno por 15 minutos, sem mexer. Dado esse tempo, verifique o arroz. Se estiver seco e al dente, está pronto. Se ainda houver líquido, deixe mais cinco minutos. Se estiver seco mas o arroz não estiver pronto ainda, acrescente mais um pouco de caldo quente ou água e cozinhe mais um pouco.
  8. Quando o arroz estiver pronto, desligue o forno e deixe a panela lá dentro por 5-15 minutos (eu deixei 15). Retire a panela do forno, coloque sobre o fogão e cozinhe sobre fogo alto por 3-5 minutos, para criar a casquinha crocante no fundo, típica da paella. Cuidado para não queimar! Polvilhe salsinha picada por cima e sirva.

11 comentários:

maiscanela disse...

Uau, deve ter ficado delicioso.

Carol disse...

Adorei a idéia!!! Eu adoro a paella adaptada aqui no Brasil, mas por conter ingredientes relativamente caros, não é algo que se coma direto, curti a ideia do veggie, assim dá para aumentar a frequência !!!!
Bjos

Valentina disse...

Que delicia!! Amei esta tua paella - seja ela original ou nao. Gosto muito de cozinha espanhola. Tenho amigos em Granada e o que conheço é das férias que passei com eles, e o que eles cozinham.Muito bom.

Patricia Scarpin disse...

Ana, pois eu sei menos ainda do que você - nem sabia que paella tinha casquinha no fundo e me animei toda, pois adoro rapinha de arroz. ;)

Linda a tua comida, com cara de saudável e saborosa. Gostei demais!

Dani disse...

Que delícia!! Toda colorida e bem nutritiva..Adorei!

Bjs

Dani
http://culinariadobem.blogspot.com/

Clô disse...

Acabei de conhecer o seu blog.. procurando por "molho pesto" no google... E AMEI!! Muito bom, con teúdo, fotos... já está nos meus favoritos!! Beijos!

Figos & Funghis disse...

Ana Elisa, primeiro quero dizer que acompanho e gosto muito do seu blog, em meio a tantos blogs de culinária/gastronomia você consegue manter a originalidade. Parabéns!
Quanto à receita, está com uma aparência divina, vou testá-la com toda certeza. Adoro paella.
Grande abraço!

Andreia T. Farias Britez disse...

A-DO-RO paella e essa sua versão "tipo" deve ficar deliciosa! Também gosto muito do Mark Bitman, ele tem umas idéias muito bacanas! Ano passado assisti a uma série que ele fez com o Mario Batali e a Gwineth Paltrow chamado "Spain - on the road again" que eu achei muito legal pois não conhecia muita coisa da culinária e da geografia espanhola. A idéia agora é fazer uma série na Itália, que deve ficar melhor ainda! Se vc não viu, recomendo. Beijão!!

Pierre Corneille disse...

Muito boa sua adaptação (ou seria uma releitura?).

Nanita disse...

Ana,
Não é nenhum sacrilégio não, Paella de Verduras é algo super tradicional da cozinha espanhola, este é um ex: http://www.cocinavino.com/recetario/receta_info.php?id_receta=14438 ou esta http://www.mundorecetas.com/acomer/pasoapaso/paella_verduras/index.htm , o único é que não se usa arroz arbório, se um um arriz tipo "bomba"...
Acredito que sua receita deve ter ficado super gostosa...

carladuc disse...

Oi Ana,

Adorei a sugestão de uma "paella" vegetariana! :)

As fotos estão lindas! E apetitosas!

Abraço,

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails