terça-feira, 23 de outubro de 2007

Sopa cremosa para um dia de chuva


Chamar essa sopa de "cremosa" é quase um eufemismo. Usei (propositadamente) pouca água, para que a sopa ficasse bastante consistente e reconfortante, quase uma pasta. Não sabia o que fazer para meu almoço, até lembrar-me do potinho de feijões brancos que eu congelara há algum tempo atrás. Descongelei-os (cerca de 2 xícaras), aqueci-os com sal, pimenta-do-reino, uma pitada de pimenta calabresa seca, folhas se sálvia colhidas da janela e um pouco de caldo de legumes, o bastante para atingir a consistência desejada. Enquanto isso, refoguei numa frigideira um dente de alho, algumas folhas de alecrim fresco também do meu "jardim", e mais algumas folhinhas de sálvia. Verti os feijões quentes na frigideira, mexendo bem, misturando uma colher de manteiga e uma de ketchup Heinz (na falta da minha garrafa de passata di pomodoro). Passei tudo no liqüidificador, voltei para a panela e acertei o tempero. Comi com duas fatias de pão ciabatta grelhados. Exatamente o que eu precisava depois de um treino de corrida, uma passada no dentista, uma série de afazeres e uma hora de musculação! Afe!

o rei da quinzena: Rei Feijão

Nenhum comentário:

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails