sexta-feira, 24 de agosto de 2007

Slow Food Brasil

Finalmente o novo site do Slow Food Brasil está no ar! Bonito, cheio de informações importantes e interessantes, e atualizado com freqüência, é um click obrigatório para quem está absolutamente de saco cheio dessa cultura de comida de plástico e "só meu umbigo importa". Coloco aqui, só para dar um gostinho, um texto que faz parte de um manifesto em defesa dos queijos de leite cru (entre eles meu maravilhoso Parmigiano-Reggiano), que estão desaparecendo.

"MANIFESTO EM DEFESA DOS QUEIJOS DE LEITE CRU

O queijo feito com leite cru (não-pasteurizado) é mais do que um alimento maravilhoso, é uma expressão profunda de nossas tradições mais valiosas. É tanto uma arte quanto uma forma de vida. É cultura, patrimônio e ambiente estimados. E está em risco de extinção! Em risco porque os valores que ele expressa são opostos à sanitização e homogeneização dos alimentos produzidos em massa.

Nós chamamos todos os cidadãos do mundo amantes dos alimentos para responder em defesa da tradição do queijo não-pasteurizado. Defesa de um alimento que tem por centenas de anos inspirado, dado prazer e sustento, mas que tem sido destruído pelas mãos estéreis dos controles higiênicos globais.

Nós pedimos um fim para todos os regulamentos discriminatórios da União Européia, OMC, FDA (Food and Drug Administration) e outras instituições governamentais que restringem a liberdade de escolha dos cidadãos em comprar estes alimentos, e ameaçam destruir o meio de vida de artesãos que os produzem.

Lamentamos as tentativas das autoridades regulatórias em impor padrões inatingíveis de produção, em nome da proteção da saúde humana.

Acreditamos que tais imposições terão efeitos adversos aos pretendidos. A saúde bacteriológica dos nossos laticínios não-pasteurizados é destruída pelos procedimentos de esterilização excessivamente zelosos. Da mesma forma, a saúde humana será destruída por uma dieta de alimentos esterilizados. Sem nenhum desafio, nosso sistema imunológico vai falhar e os medicamentos se tornarão ineficientes.

Além de tudo, os sabores e aromas únicos dos queijos são conservados pela não-pasteurização.

Portanto, nós chamamos todos aqueles que têm o poder de salvaguardar a diversidade e complexidade de nossos alimentos regionais e a saúde e estabilidade de nossas comunidades rurais para agir agora e assegurar um marco regulatório apropriado, justo e flexível; controles sensatos e uma disposição positiva em relação ao futuro.

Fique atento - porque uma vez que estes conhecimentos, habilidades e compromissos desta cultura estejam perdidos, há o risco de que nunca mais possam ser resgatados."

2 comentários:

Sunny Mary disse...

Olá! Estava eu pesquisando uma receitinha de sorvete para aprimorar a que tenho, e encontrei seu blog no google. Adorei! Gostei da maneira q escreve e como se posiciona com relação ao alimento e à qualidade de vida. Eu como total adepta, já q vivo em uma fazenda no interior de Goiás por opção, plantando e colhendo minhas verduras orgânicas fresquinhas, em companhia de meu marido e 4 filhas (não sou coelha, mas se elas me escolheram...). Nos poucos momentos livres me entrego à prazeres como ficar na internet me conectando ao mundo ao som dos grilos e canto dos pássaros noturnos. Meu nome é Maria do Sol e tenho 31 anos. Abraços!

Ana Elisa disse...

Obrigada, Maria! Da próxima vez deixe seu e-mail para que eu possa responder decentemente!
Quem me dera sair do "apertamento" e ir para um sítio! Só uma casinha com quintal já estaria de bom tamanho! Quem sabe um dia?!

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails