sexta-feira, 4 de outubro de 2013

O menor bolinho de quatro camadas do mundo: forever alone

Eu sempre gosto de fazer festa no meu aniversário: receber gente, planejar cardápio e, principalmente, fazer um bolo de camadas.

Este aniversário, no entanto, foi exceção. Estava sem energia para receber gente enquanto corro atrás de criança desfraldando, sem imaginação para um cardápio...  bom, vontade do bolo de camadas ainda havia. Mas bolo gigante de camadas para 2 pessoas e meia (Laura ainda não come doce) era coisa demais.

E lembrei do Miette, esse livro lindinho de páginas rendadinhas, com bolos e doces gostosos e pequerruchos. Estava esperando uma oportunidade de preparar um dos bolos pequeninos e essa era a ideal.

Escolhi um bolo simples, um butter cake de baunilha com cobertura de ganache de chocolate. Mas eu tinha apenas uma forma do tamanho certo, 15-16cm de diâmetro, e a receita fazia dois bolos. Resolvi arriscar e usei com imenso sucesso minha forma de soufflé para um dos bolos. Então já fica a dica: dá pra fazer esse bolo numa travessa funda de soufflé. O bolo foi fácil e ficou lindinho, é denso e fácil de cortar em quatro camadas, principalmente se tiver passado um tempinho na geladeira, embalado em filme plástico. A ganache foi uma revelação: normalmente tenho problemas com ganaches, algumas com gosto só de chocolate derretido, muito fortes, arranhando o céu da boca. Essa é a melhor que já provei: perfeitamente doce, derrete na boca, combina maravilhosamente com o bolo simples de baunilha.

Bolo pronto, olho para os lados.

Marido teve de sair cedo para trabalhar. Eu iria a São Paulo para meu curso de aquarela e voltaria apenas tarde da noite. As crianças não entendem o conceito de aniversário. O cachorro lambia o próprio rabo debaixo da mesa da cozinha.

Ninguém pra cantar parabéns. Forever Alone.

Um bolo de camadas minúsculo, perfeito para os solitários. Perfeito para quem esqueceu que bolo de aniversário, sem parabéns, é só bolo.

No fim, depois do curso, já bem tarde, crianças dormindo, minha mãe e minha irmã cantaram e cortamos o bolo. Não sem antes cuspir meus pulmões pra fora tentando apagar as velas, uma vez que minha mãe comprou um três e um quatro de uma variedade que não apaga fácil e eu ando com uma tosse que faria inveja a pintores tuberculosos do século XIX.

Em casa, o marido me esperava já pra lá de meia-noite, com um abraço e cerveja stout, minha favorita.

Hoje, Thomas levou de lanche na escola a menor fatia de bolo de quatro camadas do mundo.

BUMBLEBEE CAKE
(do lindinho Miette, de Meg Ray e Leslie Jonath)
Rendimento: 2 bolos, cobertura bastante para 1

Ingredientes
(bolo)
  • 1 2/3 xic. farinha de trigo
  • 2 colh. (chá) fermento químico em pó
  • 3/4 colh. (chá) sal
  • 200g manteiga sem sal em temperatura ambiente
  • 10 gemas de ovos grandes, em temperatura ambiente (congele as claras para fazer angel food cake depois!)
  • 2/3 xic. buttermilk (leite + 1 colh. vinagre, deixado em temperatura ambiente por meia hora)
  • 1 colh. (chá) extrato de baunilha
(xarope)
  • 1/4 xic. açúcar cristal orgânico
  • 1/4 xic. água
(ganache) 
  • 280g chocolate picado (60% ou o que preferir; usei uma mistura de 180g 54% e 100g 70%)
  • 2/3 xic. açúcar cristal orgânico
  • 3/4 xic. + 1 colh. (sopa) creme de leite fresco
  • 2 gemas de ovo grandes
  • 3 colh. (sopa) manteiga sem sal em temperatura ambiente

Preparo: 
  1. Unte generosamente com manteiga duas formas altas de 15-16cm de diâmetro (pode ser forma de soufflé). Polvilhe com farinha e bata fora o excesso. Pré-aqueça o forno a 180ºC.
  2. Peneire a farinha, sal e fermento numa tigela e reserve.
  3. Na batedeira, com a pá, se for planetária, bata a manteiga e o açúcar em velocidade média por cerca de 10-12 minutos, até que esteja bem fofa e clara.
  4. Junte as gemas em 3 adições, batendo bem a cada vez, para que a mistura não talhe e raspando as laterais com uma espátula a cada vez. Aumente a velocidade da batedeira por mais 30 segundos.
  5. Junte o buttermilk à baunilha numa tigela. Com a batedeira em velocidade baixa, junte 1/3 da farinha, batendo apenas até que esteja incorporado. Junte 1/2 do buttermilk, e continue adicionando a farinha e o buttermilk, terminando com a farinha.
  6. Raspe com uma espátula as laterais, para ter certeza de que a farinha está bem incorporada e distribua a massa nas formas, alisando com a espátula. Asse por 35-40 minutos, até que estejam dourados e um palito saia limpo ao ser inserido no centro dos bolos.
  7. Retire e deixe esfriar na forma, sobre uma grade, por vinte minutos. Então passe uma faquinha nas laterais, desenforme e deixe esfriar completamente. Embale em filme plástico e leve à geladeira por no mínimo 1 hora e no máximo 3 dias (fica mais fácil cortar o bolo gelado, e os sabores se desenvolvem). Se quiser congelar, embale numa segunda camada de plástico e congele por até 2 meses.
  8. Numa panela, misture o açúcar e a água do xarope. Leve à fervura e cozinhe até que o açúcar dissolva. Desligue o fogo e deixe esfriar. 
  9. Para a ganache, coloque numa tigela o chocolate e o açúcar. Coloque o creme em uma panela e leve ao fogo médio. Quando começar a ferver, retire do fogo e derrame sobre o chocolate, mexendo bem para ele comece a derreter. Coloque a tigela sobre uma panela com água em fervura branda e mexa o chocolate até que esteja derretido e homogêneo. 
  10. Retire a tigela do fogo. Bata as gemas numa tigela separada e junte aos poucos 1/2 xic. do chocolate quente, para temperar as gemas. Volte a mistura para a tigela principal e misture bem. Junte a manteiga e misture até que ela esteja incorporada e a mistura esteja homogênea e brilhante.
  11. Deixe esfriar até temperatura ambiente. Se não for usar na hora, pode levar à geladeira. Se firmar demais, coloque em banho-maria até ficar com consistência de manteiga mole. 
  12. Retire o bolo da geladeira e corte em 4 camadas iguais. Pincele as camadas com o xarope frio. Posicione a camada debaixo no prato e coloque 1/4 xic. de ganache no centro. Espalhe com uma espátula. Coloque a camada de cima e repita o processo até encaixar a última camada. Aplique um pouco da ganache nas laterais do bolo, passando a espátula sempre no mesmo sentido. Suba para a parte de cima e espalhe. Não use toda a ganache, apenas cubra mais ou menos a superfície do bolo. Leve à geladeira por uma hora. 
  13. Coloque o restante da ganache na batedeira e bata com a pá (alternativamente bata com a espátula; não use batedores de arame para não incorporar ar demais) até que fique cremosa, brilhante e um pouco mais clara. Espalhe nas laterais do bolo e então na parte de cima. Essa ganache é difícil de deixar lisinha; é mais fácil criar desenhos com a espátula. O bolo fica melhor servido em temperatura ambiente, ou a ganache fica firme. Conserve em geladeira, mas retire cerca de 4 horas antes de servir.
Observação: a receita dizia produzir 3 xic. de ganache, 2 das quais seriam usadas no bolo. Usei toda a ganache num bolo só.



13 comentários:

Fernanda Amarante disse...

Espero que a madame saia pra jantar hoje, então. Criei muitas expectativas sobre isso. Eu estou aqui esperando a diaba da pizza crescer. Acho que vou desistir desse fermento instântaneo. O primeiro q tentei não espumou. O segundo, acho que sim. Não tô confiando nisso, Ana!! O bolo ficou lindo. E devia estar delicioso. Feliz niver! Beijoca!

Dani disse...

Feliz aniversário atrasado!!

Livia Luzete disse...

Feliz Aniversário,bella! Como sempre as fotos de suas comidas me saltam aos olhos e fico imaginando o sabor!Prosperidade na sua nova jornada!

thatiana Bandeira disse...

Parabéns! E coma bastante abacaxi, faz milagre a garganta...
Beijos e muitas felicidades

Heloisa disse...

Ótima dica o Miette. Seu bolo uma graça. Adorei.
Feliz Aniversário!

Anônimo disse...

Feliz aniversário, Ana! Tudo de bom pra você, que merece como ninguém. Sua dedicação à vida e sua disposição para compartilhar (receitas, cores, imagens, experiências, idéias) sempre me deixam encantada e inspirada.

Inês

Ulysses Borges disse...

Parabéns! 10 gemas? Imagina se o bolo fosse maior!

NP disse...

Mas que bom aspecto! :)
Beijinhos

Camila Pedrini Marques Vieira disse...

Feliz Aniversário Ana!

Edu Piloni disse...

bolo lindo, e não parece ser enjoativo... não gosto de coisas mto doces :) hmmm... deu vontade agora!
Ahh... Parabéns, Ana!

Mariana disse...

Feliz aniversário, Ana :)

flprado disse...

Ana, há quanto tempo eu não vinha visitar-lhe! Deu saudades do blog e dos ótimos posts!

em tempo, feliz aniversário! Acho que neste ano faz uns 5 anos que sigo seu blog, desde o "risoto 101". mês que vem estou de mudança e finalmente vou pendurar o poster que comprei contigo! rsrsrs

só uma pergunta, qual o curso de aquarela que você está fazendo? Minha noiva está procurando um!

bj

Elisa disse...

Oi, Ana,

Você conhece uma revista chamada Kinfolk (kinfolk.com)? Acho que você gostar das matérias e das receitas de lá!
Em época de poucos gastos com livros, é uma ótima fonte gratuita e bem cuidada.

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails