quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Sem receita hoje... só pequenas alegrias

O tempo vai passando muito rápido. Noutro dia chorei feito uma criancinha ao guardar as roupinhas de recém-nascido do meu pequeno matador de dragões. "Ele era tão pequeniniiiiinho...", expliquei para meu marido incrédulo. "Mas ele AINDA é pequeno!", tentou argumentar, sem sucesso. Lembro-me de ainda estar grávida e já imaginando o dia em que começasse a dar comidas diferentes para meu bichinho de goiaba. Por isso e pela óbvia curiosidade dele cada vez que alguma comida colorida passava em frente a seus olhinhos, não esperei dois segundos depois do pediatra dizer "vai!" para começar a dar-lhe algumas frutinhas. ;)

Talvez tenha sido o fato de eu ter dado meu dedinho sujo de fruta para ele sentir o gosto sem comer nos últimos meses, talvez seja pura sorte. Mas sua aceitação rápida do novo alimento me fez acreditar que ele já estava definitivamente pronto para esse passo. Primeiro foi a pera, raspadinha. Sucesso total. Depois banana, que ele gostou tanto, que erguia os bracinhos na minha direção, segurava a colher e a puxava para a boca escancarada. Seu olhar de puro espanto ao me ver descascar a fruta me fez gargalhar. "Uh!Uh!Uh!", exclamava ele, olhinhos arregalados, batendo os bracinhos nas laterais do carrinho, absolutamnete enlouquecido para pegar aquela fruta tão engraçada.

Então veio a maçã. A maçã Gala, orgânica, docinha, já não foi sucesso imediato. Vai virar gosto adquirido. No primeiro dia, foi cuspida. Mas eu, que fiquei fazendo abóbora para o meu marido até ele aprender a comer sem reclamar (malvada, eu?), não desisto fácil. No segundo dia, ele comeu relutante, mas comeu. Sempre comigo dando risada, fazendo graça, sem mostrar sinal de frustração por ele não ter amado de paixão uma das minhas frutas favoritas. No terceiro dia, mudei a estratégia: descasquei uma metade de maçã e dei o pedaço inteiro na mão dele, para que explorasse à vontade. Naquele formato, foi fácil para ele usar a fruta de mordedor, sem correr o risco de que algum pedaço menor se quebrasse e o fizesse engasgar. Imediatamente vi que ele havia adorado o gosto da maçã, mas não a textura dela raspada. A-há! Fiz um purezinho mais molinho e lá foi ele: adorou maçã. :D

Então veio a laranja, em forma de suco, dada de colherinha porque ainda não quero dar mamadeira enquanto estiver amamentando. Lambança total, mas aprovada.

Mas foi o episódio do mamão que me fez morrer de rir e ansiar ainda mais pelas abobrinhas, berinjelas e agriões. Lá fui eu com a colherinha de café cheia de mamão. E nada. Ele nem via a colher chegando, que dirá abrir a boca. Seus olhinhos estavam totalmente concentrados no grande pedaço cor-de-abóbora em minha mão. Era tudo o que ele queria. Pegar o mamão. Desisti da colher, então, e segurei o pedaço da fruta à sua frente. Suas mãozinhas descoordenadas vieram, ávidas, agarraram a fruta e daí em diante meu filho virou o Cookie Monster. Com direito a olhos vesgos de ansiedade. ;)

Muito anda sinalizando que a primeira papinha propriamente dita virá logo. É uma mistura de tristeza e alegria. Alegria porque não vejo a hora de preparar algumas sopinhas frias para os dias quentes de verão. Pergunto-me quais serão seus legumes favoritos. Tristeza porque amamentar é gostoso e vai deixar saudades. E porque meu bichinho de goiaba está crescendo rápido... :)

Enquanto isso, vou fuçando aqui, em busca de inspiração extra:


http://www.latartinegourmande.com/2009/10/15/homemade-baby-food/
http://whippedtheblog.com/2008/11/21/homemade-baby-food-for-the-mini-whipped-gourmand/
http://smittenkitchen.com/baby/

:)

34 comentários:

Camila disse...

Ana, que fofura! E teu post me lembrou do último da Marcia (marcinha.co.uk), em que ela fala do Baby Led Weaning - método de alimentacao em que a crianca se alimenta de pedacos, com suas próprias maos, ao invés de papinhas. Achei super interessante! Se quiser saber um pouco mais, olha aqui: http://www.babyledweaning.com/

Beijos!

Carla Regina disse...

Que lindo, Ana. Fico muito feliz de ver que você está conseguindo educar seu pequeno matador de dragões para comer comida de verdade, dá esperança de que quando chegar a minha vez, eu vou conseguir também. =) (E a foto, que foto linda!)

Débora disse...

Olá! Parabéns pelo lindo bebê. Tenho uma sobrinha que também não gosta da maçã raspadinha. Como você faz o purê? Um abraço,
Débora

Glenda disse...

Lindooo o seu bebe Ana! Parabens!!

Carol disse...

Ahahahahahaha... adorei!!!
Me divirto muito com o jeito que você escreve.. rs..

Anônimo disse...

Ele tá um lindo!!
O meu Henrique tah com 7 meses e anda devorando tudo! Fruta, papa salgada, se eu to comendo alguma coisa ele fica todo curioso!
um blog legal em portugues de papinha eh o papinhagourmet.blogspot.com

beijo

Laura

Carolina disse...

Olá Ana, a minha filha nasceu no mesmo dia do teu bebê e devo dizer que tinha o mesmo apetite! Sempre adorou fruta, de qlq jeito! Fazia sempre hmmm hmmm... com manga então era uma festa! Em Portugal temos o costume das refeições serem sopa, prato principal e fruta. Ela agora tem 4 anos e anda numa fase de rejeitar tudo qto são legumes. Mas a sopa e a fruta aceita mto bem, acho q ainda vestígios de qdo era bebê! Eu não forço, mas coloco sempre os legumes no prato e digo que tem pelo menos que experimentar. Gosto muito de vir cá ler as tuas histórias. Muitas felicidades!

Renata de Oliveira disse...

Delícia de post!
Delícia de foto do matador de dragões!
Confesso que lendo vc, me dá até vontade de arrumar um pequeno metaleiro também...
Quem sabe?
Bjs!!

Scrap Mixed disse...

Ana,

Conheci seu blog há tempos, quando procurava algo relativo a Nigella. Acho q. já deixei cometário aqui, já fiz receita sua... enfim.. Voltei por acaso e adorei ver tantas novidades, um bebezão, feliz e saudável! Mais feliz ainda é a mãe ver o filho comendo bem - isso não tem preço!!! Quanto à mamadeira, não se prenda tanto aos q. os médicos e outros radicais dizem! Tenho 2 filhos q. mamaram exclusivamente até 6 meses, só depois entraram no suco, sopa e comida. O meu filho, sempre guloso, depois q. descobriu o prazer da comida, foi se desinteressando naturalmente pelo peito e quando entrou o bom feijão com arroz, a sopa tbm perdeu a graça... Ou seja, relaxa! Nós mães somos tensas por natureza!!! Aproveite a benção de ter um filho q. se alimenta bem e de ser vc uma amante do bom garfo e q. não desiste fácil!!! Se um dia for mais prático colocar o suco na mamadeira, experimente. Não é isso q. fará seu filho largar a mamada! Ele vai largar porque vai descobrir gostos melhores!!! rs!rs! Tudo de bom!

Ana disse...

Olá Ana

O tempo passa depressa por isso temos que aproveitar tudo! Adorei o foto do pequeno matador de dragões!

Beijinhos

Patricia Scarpin disse...

Ai, que post delícia de ler. Eu sei que eu escrevo isso aqui meio que sempre, mas o que posso fazer se é verdade? :)
Bebê Thomas é a coisa mais gotósa do mundo.

Renovação Corretora disse...

Ele é lindo!! Parabéns!!!

Livia Luzete disse...

Eita,como é bom relembrar os bons momentos que também passei com meus 2 bichinhos de goiaba!!! Para nós mães adoradoras de comida boa saudável e natural como comer uma fruta fresca,não tem melhor oásis!É uma pena que muitas mães,com horror a sujeiras,não permitam que seus bebês façam essas deliciosas descobertas...lamento pelos bebês...que só vão adorar biscoitos recheados de...ah,deixa para lá.

Cinha disse...

O que eu já me ri com a carinha dele!!!
Nota-se o prazer com que está comendo a fruta;))
REalmente o tempo corre depressa demais e depois que somos Mães ainda corre mais depressa. Por isso à que aproveitar cada segundo dessa carinha mais linda do Mundo!
Agora fiquei eu nostalgica lembrando dos meus com essa idade...
Beijinhos grandes.

Karina disse...

Que post mais encantador! Seu Thomas está lindo! Parabéns. Bjs!

Luciana Betenson disse...

Post lindo :-) Saudades dos meus experimentando frutas novas, é tããão legal isto! Os meus amaram todas as frutas, duro foi acostumarem com a comida salgada rsrs... ele tá fofo Ana! Um beijo,

Fernanda Cunha disse...

Ana, Morri de rir com o vídeo do Cookie Monster! Nunca tinha visto! Tomara que seu lindo tenha o mesmo apetite, só retire de perto o saleiro e o guardanapo! Kakakaka!
A minha mãe diz que desde quando tinha seis meses ela me deixava comer sozinha, isto é, me lambuzar, né? Hoje em dia minha coordenação motora fina é algo fantástico, fora o prazer de comer que eu sempre tive...
Ah, vi esse site uma vez, acho que você pode gostar.
http://www.tammysrecipes.com/node
Um abraço!

Bruna disse...

Oi Ana, acho que o título deste post deveria ser trocado para grandes alegrias ;)
Que delícia de ler as descobertas do teu pequeno matador de dragões!
Abraço,

thecookieshop disse...

Nenê fofo da titia! Coisa gostosa começar com as frutas e sopinhas, morri de saudades de ter bebê em casa...
Beijo na família linda!

Aline disse...

Que delícia suas histórias....
Curta mesmo esses bons momentos, pq passam depressa...os pequenos crescem muito rápido.

Bjus e bom fim de semana

Aline

Marília disse...

Olá Ana, eu já era fã das suas receitas e da sua escrita descontraída. Agora tenho ficado mto contente com suas atitudes em relação aos hábitos do Thomas. Você tem toda razão em não introduzir a mamadeira. Sou odontopediatra, especialista em problemas de mordida e recomendo oferta de frutas em pedaços desde antes dos dentes aparecerem. É isso que vai desenvolver a correta mastigação. Claro que tem que ficar de olho nos engasgos. Mas "quem não leva tombo, não aprende a caminhar." Uma boa opção para os líquidos são os copos de treinamento com tampa e bico rígido.
Bom fim de semana e bom apetite!

Lílian disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Raíssa Hardt disse...

Ah, que belezinha, Ana! As crianças crescem tão depressa, não? Falo isso porque tenho uma irmã que fez dois aninhos agora dia 30 de agosto e ela é louca por banana. Vira e mexe ela está na fruteira pegando as bananas - já aprendeu a descascar - e também pede pra lavar maçãs.
Engraçado que de papinha ela não gostou muito, mas ama uma sopa com batata doce, inhame, cenoura e chuchu. xD

Abraços.
Seu bebê é lindo. Parabéns!

Chris Ribeiro disse...

Coisa mais linda do mundo esse post!
É uma experiência deliciosa mesmo, tenho muitas fotos dos meus filhotinhos lambuzados de ameixa, de mamão, de caqui... Delícia!
Seu filhote é lindo! Deus abençoe vcs!
Beijosssssss

Bia Genio disse...

Olá Ana, a Tatu do blog Mexirica tem um livro de receitas de comidinhas de criança. Se chama " A Panela Amarela de Alice". Acho que você vai gostar. Beijos.

carla m. disse...

Ana, que engano o teu, esse é uma receita!!! Uma receita de alegria, viu?! É tão bom ver que ser mãe não significa, ao contrário do que muitos insistem em dizer, mudar todos os parâmetros. É tudo uma questão de descobrir como adaptá-los.

Parabéns pelas pequenas alegrias!

Anônimo disse...

Parabéns, Ana! Nunca comentei nada, mas hoje, não resistí.
Seu filho é lindo e seu post me emocionou muito!Muita saúde e felicidade para ambos (e o marido, claro!)
Beijos, Lúcia

CRISTIANE LARA disse...

Oi Ana, seu filho é muito lindo e fofo.Parabéns ! Que delícia em saber que ele já está se aventurando nas papinhas de frutas. E há muitas delícias para ele descobrir ainda, não é mesmo ? :) Bjs

Luciana disse...

Você nos dá coragem. Obrigada por partilhar conosco esses momentos de fofura! Um abraço!

Dricka disse...

Ana seu filho está lindo, muita fofura sua compartilhar esse tesouro com a gente.
Bjs

Mari disse...

Comentário totalmente off-topic, mas achei que podia interessar: http://digitaldrops.com.br/drops/2011/08/inkling-uma-caneta-que-transforma-desenhos-em-arquivos-vetores-ou-bitmaps-no-computador.html

Não podia deixar de comentar a fofurice do Thomas! Parabéns!!!

Sarah Abreu disse...

Que delícia de texto e foto!
Gosto muito de ler esse blog!
Eu tinha comentado no post da bardana sobre o jeito japonês de se fazer, não sei se você já achou, mas esta receita é idêntica à da minha vó. Eu adoro! Tomara que goste: http://migre.me/5DHHG
Beijos!

Sandra Reis disse...

Awww, que delícia de post...me fez voltar no tempo, há 14 anos, quando minha "flor de maracujá doce" descobriu seus novos sabores...adorei o texto e essa sua sensibilidade compartilhada, me fez bem...obrigada!
beijos pra vc e pra essa fofura de filhote

Fabi disse...

Parabéns... O Arthur é lindooooo... O Site é show, as receitas são maravilhosas e a forma simples e direta que vc escreve é mto legal. Bjos e parabéns!!!

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails