segunda-feira, 26 de abril de 2010

Pasteizinhos de espinafre e mozzarella

Bati os olhos naquele maço lindo e verde escuro de espinafre na feira, e soube imediatamente seu destino. Esperara durante meses para o ressurgimento de bom espinafre do mercado. Valeu a pena, pois ao lavar e secar as folhas, percebi que só deitava fora os talos. Não havia uma única folha machucada, murcha, podre ou devorada por insetos além do reconhecimento.

Esses pasteizinhos, tortinhas, empadinhas (chame do que for) são mais delicados do que eu imaginava, e tão saborosos quanto esperava. A mozzarella de búfala triturada junto com o espinafre cria um recheio coeso e ligeiramente puxa-puxa, com aquele gostinho diferente mas não muito pronunciado dos cogumelos porcini e das trufas. Tão bom... Imaginei-os dentro de uma cesta de piquenique, ainda que os tenha comido no sofá da sala.

Não se assuste acreditando que são trabalhosos. Não são. Tive um dos fins de semana mais corridos do ano, e mesmo assim consegui prepará-los com calma, em menos de uma hora. Mais um sucesso retumbante de um dos livros de Tessa Kiros. A receita original pedia creme de trufas, mas Deus sabe o quanto isso custa no Brasil. Encontrei um potinho de creme de cogumelos Porcini sem conservantes por 11 reais, e apesar de não ser fã de comprar potinhos de coisas prontas, achei que seria um bom substituto, pelo sabor forte dos Porcini, e porque não me ocorreu nenhuma outra substituição assim, de repente. O resultado foi muito bom, mas você pode omitir completamente o creme (e mesmo o azeite trufado), e estou certa de que continuará sendo uma deliciosa refeição. :)

E para quem não viu, essa semana dei uma entrevista para a revista Isto É! Está nas bancas e está no website, com video mostrando minha cozinha minúscula e pouco glamourosa, mas que pode inspirar aqueles que reclamam que não cozinham por falta de espaço. Isso não é desculpa, viu? ;)

PASTEIZINHOS DE ESPINAFRE E MOZZARELLA
(quase nada adaptado do livro Falling Cloudberries, de Tessa Kiros)
Tempo de preparo: 1 hora
Rendimento: 16 pasteizinhos


Ingredientes:
  • 1 3/4 xic. farinha de trigo
  • 225g manteiga sem sal, gelada, em cubos
  • 4-5 colh. (sopa) água gelada
  • 7 1/2 xic. de folhas de espinafre frescas, apertadas na xícara (1 maço grande e bonito)
  • 120g mozzarella de búfala (peso depois de escorrida)
  • 1 colh. (sopa) creme de cogumelos Porcini ou de trufas (opcional)
  • 1 colh. (sopa) azeite de oliva extra-virgem
  • 1 colh. (chá) azeite trufado
  • 1 ovo, batido, para pincelar

Preparo:
  1. Peneire a farinha e uma pitada de sal numa tigela. Junte a manteiga e esfregue com os dedos para cobrir bem a manteiga com a farinha. Adicione tanta água gelada quanto baste para formar uma massa. Junte numa bola e transfira para uma superfície enfarinhada.
  2. Enfarinhe suas mãos e forme um bloco retangular com a massa. Abra com o rolo até cerca de 1cm de altura. Dobre como uma carta, em 3 partes, vire 90ºC e abra novamente. Dobre como uma carta, vire 90ºC e abra mais uma vez. Repita mais 2 vezes, embrulhe em filme plástico e leve à geladeira por 30 minutos.
  3. Enquanto isso, cozinhe as folhas de espinafre em água salgada fervente por 5 minutos. Escorra, passe sob água fria e esprema bem para retirar toda a água. Você vai ter uma massa de espinafre pouco maior que seu punho, mas não se assuste. Passe metade do espinafre no processador manual (passa-verdure) junto com a mozzarella, para triturar bem. Pique o restante do espinafre grosseiramente com a faca (ou pique tudo com a faca, se não tiver o passa-verdure) e misture numa tigela aos azeites e ao creme. Tempere com sal e pimenta.
  4. Pré-aqueça o forno a 205ºC. Forre uma assadeira com papel-manteiga. Numa superfície bem enfarinhada, abra a massa com o rolo em um quadrado de uns 40cm de lado. Apare as beiradas irregulares, e corte o quadrado restante em 16 quadrados de 10cm.
  5. Coloque 1 colh. (sopa) de recheio em cada quadrado e feche com cuidado (a massa é delicada, mas se rasgar não tem problema nenhum). Sele bem com os dedos e transfira para a assadeira.
  6. Pincele generosamente as tortinhas com o ovo batido e leve ao forno por 10-15 minutos, ou até que estejam bem douradas em cima e em baixo. Deixe esfriar um pouco antes de servir, pois o vapor delas pode queimar sua boca. ;)

27 comentários:

Cinha disse...

Amei a receita e vou levar comigo para a fazer ainda esta semana!
Mas amei ainda mais a entrevista!!!!
Sou viciada em cozinhar e em tudo que é para cozinha,como tal parece que tava a ouvir a minha alma gemea!!!!
Parabéns!
Beijinhos grandes.

Patricia Scarpin disse...

Ana, adoro tudo com espinafre, e se tiver queijo junto, melhor ainda! Que lindeza os pasteizinhos, tão delicados, me deram uma fome!

Lola Sciwinzki disse...

Acabei de ver sua entrevista, minha cozinha só é um pouco maior que a sua.
Essa receita me deu água na boca, adoro espinafre.
Bjs.

Juliana Masselli Castro disse...

Que lindos!!!!
Não sou muito fã de espinafre, mas vou testar a receita com outro recheio =)
Bjs

Monica Hering disse...

A receita é genial, mas a entrevista ficou melhor ainda!!!
A propósito, o gengibre congela ficou muito bom. Super obrigada pela dica! Agora vou copngelar o salsão...
Beijos

Sasan disse...

Ana
vi sua cozinha na Istoé,sim é pequena mas não é dos pequenos frascos que esta os melhores perfumes?é por isso que as suas receitas são maravilhosas.Bjs
Sansan

Brincando de Chef disse...

Minha cozinha é um pouco menor que a sua e me identifiquei com a organização do seu espaço. Amei a matéria e achei o seu cachorro maravilhoso!
Bjs,
Débora

Sabrina disse...

Adorei a receita e a entrevista! Creio que, assim como eu, muitos que passam por aqui tem sentido orgulho de você, mesmo sem conhecê-la. Não sei se você se deu conta, mas acabou se tornando um paradigma de vida saudável e felicidade. Parabéns!

PS: O Gnocchi é MUITO simpático e lindo!

Tania Pereyra disse...

Oi Ana. Adorei ver a sua entrevista. Eh tao legal quando voce ve que tem pessoas com a mesma filosofia de vida em relacao a ingredientes naturais. As vezes eh dificil entender que as pessoas gostem mais de molho de salada pronto do que um feito na hora com limao, azeite de boa qualidade e mostarda. Seu blog eh uma fonte de inspiracao e de informacao. Continue assim. Tania

Carol Romagnolli disse...

Ana, que luxo a reportagem!!!
E seu caozinho eh a coisa mais fofa do mundo...
Parabens e beijocas,
Carol

JUlia disse...

Adorei conhecer sua cozinha e os livros muito bom ,,beijos

kellen disse...

que legal conhecer sua cozinha! afinal, seu blog tem sido o principal auxílio na minha empreitada de aprender a cozinhar :)

João Mario disse...

Adorei os pasteizinhos, são uma boa pedida para qualquer hora e a receita não é difiícil.
Um abraço

João Mario

Dani disse...

Sua entrevista foi muito legal, e aposto que muita gente vai se inspirar em cozinhar mais e comprar menos coisa prontas. Seu cachorro tb é muito simpático.

E aprendi mais descobrindo que se pode congelar salsão e também sobre as amêndoas de cacau que eu nem conhecia.

Amehlia Digital ! ® disse...

Cumadi!
Achei demais cê toda chicosa =D
Que lindo o cachorrin cor de caramelo...
Tb só como manteiga...e amo espinafres, por isso essa receita já está anotadinha, viu?! :]
Parabéns pela entrevista...gostei purdimais...
Um bejim,
da Vinni

Rita disse...

Ana, aumento o coro de que cozinha pequena não é desculpa mesmo não. Suas empanadas (acho que tem cara de empanada) estão lindas.

brisa disse...

Adorei a receita (anotada), a entrevista, o Gnocchi (Nhoque??) e te achei muito bonita:) Parabens!!:)

Nina Franco disse...

querida,
o recheio pode ser com algum outro ingrediente? o que você indica?

beijos.

Luciana K.B. disse...

Parabéns pela entrevista !! Ficou mt bacana !! Realmente mostra para para as pessoas que não precisa de mt espaço para se produzir boa comida :P

Abçs

Daiana disse...

Olá Ana !
Sempre dou uma passada aqui pelo seu blog e adoro.
Obrigada por abrir sua casa e mostrar sua cozinha e seus livros. Sempre fiquei curiosa por saber como você era e como era sua cozinha ! Adorei !!!

Rose disse...

Ana Elisa você, além de tudo, é muito bonita! Adorei "conhecer" o Gnocchi.

Nato disse...

Adorei ver a entrevista. Como é bom saber que a gente não está sozinho no mundo. Ou seja, então não sou só eu que fica feliz quando ganha um ingrediente especial ou um utensílio de cozinha de presente de aniversário ou natal. E os livros então? Muito legal. Parabéns!!!

miosotiis disse...

Como não posso ver a revista, estive a ver o vídeo. E sabes, para além de me rever em inúmeras coisas (inclusive, no tamanho da cozinha...), a frase que disseste com a qual mais me identifico é "Ele me entende!", ou seja"Ele entende-me! Ele sabe como me fazer sentir feliz!" :D

Tenho amigas que "esganavam" o marido se ele lhes oferecesse alguma ocisa pra cozinha....ehehehh

Ana Luisa disse...

Fiz esse pasteizinhos ontem à noite. Não colocei o "creme" e usei farinha integral. Eles ficarram deliciosos.
Obrigada pela receita!

Adorei a sua cozinha e entrevista!
...e adoro seu cuidado e caprichoso!

Beijinhos
Ana

Denise Cardoso disse...

Meninaaaaaaaaaaaaaaa,
Amei a sua entrevista.Parabéns Ana!Fiquei até com invejinha da sua cozinha,td organizado,monte de coisinhas gostosas!
E o Gnocchi é lindo!!!!
Beijos
Denise

vanessa . disse...

Ana
Como eu gostei de ver o video!
poxa minha admiração pelo blog (e por você..) aumentou ainda mais ao ver o video. E tua "humilde" cozinha é tudo que vc precisa pra fazer essas maravilhas postadas aqui!

Lua Morena disse...

Olá Ana,

Boa tarde! Sou leitora do seu blog há um tempo. Essa semana reassisti a sua entrevista para a Istoé e fiquei curiosa para saber o nome do seu livrinho italiano com ilustrações citado no vídeo. Não consegui encontrá-lo na lista de livros do seu blog. Você tem como me passar o nome dele?

Muito obrigada, Lua

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails