quarta-feira, 2 de julho de 2008

Batatas assadas, cobertas com pesto de castanhas de caju e tomates cereja: quem precisa de receita?


14 comentários:

Luciana Macêdo disse...

Uma combinação de ingredientes tentadora. Preciso experimentar.
Bjs!

Rogério disse...

Chique mesmo é fazer pesto no pilão, como manda a tradição.
beijo
Rogério

Andreia T. Farias Britez disse...

Quem precisa de receita??? EEEEUUUU!! Como faz pesto com castanha de caju? Substitui as nozes pela castanha? Nem ligue, sou meio analfabeta na cozinha...

Ana Elisa disse...

Luciana,
ficou bem bom, mas recomendo assar BASTANTE as batatas, bem temperadinhas, para que fiquem muito macias e de casca crocante.

Rogério,
e de que outra forma eu faria?? hehehe... Com o pilão de pedra, o pesto não perde a cor forte (o contato com metal costuma escurecer o manjericão), e a textura fica beeeeeeem mais interessante... :)

Andreia,
E apenas substituo os pinoli pelas castanhas. Outra boa opção é castanha-do-pará. NUNCA use nozes: elas são muito fortes e levemente amargas, e mascaram o sabor do manjericão. Para a receita, veja aqui:
http://lacucinetta.blogspot.com/2006/09/o-verdadeiro-molho-pesto.html

Beijos!

Glaucia disse...

Criatividade é tudo nesta vida! Tô salivando...
Pensei que pudesse usar nozes no pesto!

Bjos

Ana Elisa disse...

Glaucia,
poder, poder. Na verdade, cada um faz o que gosta. Eu DETESTO molho pesto feito com nozes. E uma italiana residente no Brasil certa vez me ensinou que as castanhas-do-pará são as que melhor substituem os pinoli, porque seu sabor é igualmente adocicado e sua quantidade de óleo, ideal para esse tipo de molho. :)

Beijos!

Dani disse...

Eu quero a receita!

Ágatha disse...

Que receita deliciosa!
Vou experimentar hoje msm! Só não tenho o pilãozinho... Se amassar em alguma outra tijelinha de barro serve????
Bjs
ÁGATHA

Verena disse...

Nossa, que maravilha! Adorei a sugestão, sou fã de pesto (sempre faço substituições com as nozes: uso castanhas do pará, de caju e já usei até pecans) e de batatas assadas! A foto ficou linda!
Obrigada pela dica!
O pilão realmente dá um toque, não?
Um abraço!

Dani disse...

Já tem tempo que quero comprar um pilão. Acho que agora chega, vou sair amanhã e procurar. Não moro em São Paulo, onde você acha de tudo, mas acho que aqui no Berlândia eu consigo encontrar algum que preste =)

Silvia Arruda disse...

Meu Deus, isso para mim é uma tentação!!! Que delícia!

Barbara disse...

Ola antes de tudo preciso dizer que adoro seu blog!! É mais do que inspirador, as fotos então dão água na boca!
Qual é a receita completa desse prato delicioso??
Beijos

Ana Elisa disse...

Ágatha,
serve qualquer coisa menos aço inox, que escurece o manjericão.

Verena,
sempre faço pesto no pilão. Eu acho que a textura fica beeeeeem mais interessante do que tudo homogêneo, batido no processador ou liqüidificador.

Dani,
esse é mineiro, de pedra sabão, comprado numa lojinha meleta aqui em SP. Dizia prá não usar sal grosso nele prá não riscar, mas, na boa, quero mais que risque, porque quanto mais gasto por dentro, melhor ele mói ("mói" existe??) as coisas...

Sílvia, ficou muito bom, mas da próxima vez eu fatio as batatas antes de colocar o pesto, para que elas absorvam mais o sabor.

Dani e Barbara,
então... receita mesmo não tem. Só temperei as batatas com azeite, sal e pimenta e meti no forno. Fiz o pesto a olho, joguei por cima e distribui tomates. :)

Beijos!

Jakelynne disse...

Experimenta usar a castanha de Baru, é uma delícia além de ser energético. www.baruecia.com.br

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails