terça-feira, 13 de novembro de 2007

Salada de grão-de-bico e rúcula

Fiquei morrendo de dó ao preparar as sardinhas, quando vi a quantidade que sobrara da mistura de pão, castanhas, queijo e ervas. Por isso, guardei-a na geladeira, pensando o que fazer com ela.

Hoje no almoço, misturei-a a grãos-de-bico cozidos, temperei com azeite, suco de limão, pimenta-do-reino, pimenta calabresa e sal e juntei a um punhado de rúcula selvática. Minha intenção, tendo já o picante da rúcula, o azedume do limão, o frescor da salsinha, o doce dos grãos-de-bico e das castanhas de caju e o calor das pimentas, era completar o prato com um punhado de azeitonas pretas salgadas, mas deparei-me com meu vidro de azeitonas gregas na geladeira cheio de líquido e sem azeitonas. Usei no lugar um filé de anchova, mas, apesar de ter ficado saboroso, não era exatamente o que eu queria. As azeitonas teriam dado o toque exato de que eu precisava, sem o retrogosto de peixe. Também apenas as pimentas secas não foram suficientes. Mas como minha pimenteira produtiva está ainda crescendo de volta, e meu outro pé (que ficava do lado de fora do apartamento e salvou-se do ataque assassino do cão) anda prá lá de preguiçoso, então não pude usar pimenta fresca, outra ausência sentida no prato.

Nenhum comentário:

Cozinhe isso também!

Related Posts with Thumbnails